Ouça agora

Ao vivo

Macaé ganha novas redes de esgoto na Aroeira
Norte Fluminense
Macaé ganha novas redes de esgoto na Aroeira
Itaipuaçu recebe evento Passaporte em Ação
Maricá
Itaipuaçu recebe evento Passaporte em Ação
Petrópolis tem 82 hectares de área queimada no primeiro semestre do ano
Destaque
Petrópolis tem 82 hectares de área queimada no primeiro semestre do ano
Eleições Municipais têm mulheres como maioria do eleitorado, revela TSE
Brasil
Eleições Municipais têm mulheres como maioria do eleitorado, revela TSE
Eduardo Paes lança candidatura à reeleição, mas ainda sem o nome do vice. Pedro Paulo é o preferido
Política
Eduardo Paes lança candidatura à reeleição, mas ainda sem o nome do vice. Pedro Paulo é o preferido
Prouni terá mais de 240 mil bolsas no segundo semestre
Brasil
Prouni terá mais de 240 mil bolsas no segundo semestre
Projeto de Judô transforma vida de 280 crianças em Japeri
Baixada Fluminense
Projeto de Judô transforma vida de 280 crianças em Japeri

Botafogo não joga bem, tem Tiquinho lesionado, mas é salvo pelo melhor goleiro do Brasileirão

Lucas Perri faz duas grandes defesas e livra o time da derrota para o Cruzeiro no Mineirão

Um empate comemorado. Assim o Botafogo deixou o Mineirão após conquistar um ponto no duelo sem gols com o Cruzeiro, em jogo válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro neste domingo. Em jogo cauteloso no início, quem assumiu o domínio e esteve mais perto de sair com a vitória foi o time da casa: foram 11 finalizações cruzeirenses contra apenas duas do líder do Brasileirão.

O técnico Bruno Lage teve força máxima à disposição, e escolheu entrar em campo com Júnior Santos pelo lado direito do ataque – a disputa era com Gustavo Sauer e Matías Segovia. A meta era quebrar a linha defensiva adversária daquele lado. Porém, o time encontrou muita dificuldade para trocar passes e fazer a transição até o último terço do campo, muito em função do meio-campo cruzeirense que estava bem postado e dificultava a chegada do time de Lage.

Até então, o time suportava a pressão e buscava ir ao ataque de alguma maneira, mas sofreu um choque com a saída repentina de Tiquinho Sores, artilheiro do time no Brasileirão com 25 gols marcados. O jogador saiu com dores no joelho esquerdo aos 41 minutos da primeira etapa. Uma ausência, ainda sem tempo estimado, temida e que não foi solucionada com as estratégias do técnico português, que colocou Lucas Fernandes para ter Eduardo como falso nove.

A estrela de Lucas Perri brilhou de novo, dessa vez no fim do jogo, ofuscando o céu estrelado que se formava nas arquibancadas do Mineirão, que contou com mais de 43 mil presentes – quatro mil deles botafoguenses.

A verdade é que o Botafogo não jogou bem e atuação foi aquém do líder do Brasileirão com sobra – agora de 13 pontos para o Flamengo, segundo colocado. Mesmo assim, deixou a capital mineira com a manutenção da sequência de invencibilidade com um ponto na conta – são 14 jogos sem perder.

Agora, a chave vira para a busca da classificação rumo às quartas de final da Copa Sul-Americana. Nesta quarta-feira, enfrenta o Guaraní, do Paraguai, no Estádio Defensores del Chaco, às 19h (de Brasília). O Glorioso tem a vantagem do empate para se classificar, já que venceu o duelo de virada no jogo de ida por 2 a 1 .