Ouça agora

Ao vivo

Putin faz exigências para “negociar a paz” com a Ucrânia após encontro do G7
Mundo
Putin faz exigências para “negociar a paz” com a Ucrânia após encontro do G7
Justiça considera ilegal greve dos educadores de Macaé
Norte Fluminense
Justiça considera ilegal greve dos educadores de Macaé
Governo do estado cria Observatório do Feminicídio
Estado
Governo do estado cria Observatório do Feminicídio
Polícia Militar expande programas de polícia de proximidade na zona sul
Rio de Janeiro
Polícia Militar expande programas de polícia de proximidade na zona sul
Prédio no Centro Histórico de Petrópolis é destruído por incêndio
Região Serrana
Prédio no Centro Histórico de Petrópolis é destruído por incêndio
Termina hoje prazo para inscrição no Enem
Destaque
Termina hoje prazo para inscrição no Enem
RS receberá caravana do governo para garantir acesso a benefícios
Política
RS receberá caravana do governo para garantir acesso a benefícios

Volume do setor de serviços no Estado do Rio fechou primeiro trimestre com alta de 8%

O setor de serviços no Rio de Janeiro avançou 2,8% no mês de março, o que refletiu na alta geração de postos de trabalho no estado
Foto: Reprodução Internet

O volume de serviços no Rio de Janeiro cresceu, em março, 2,8% em comparação a fevereiro, resultado acima do registrado em São Paulo (1,8%). Em comparação a março de 2022, o avanço foi de 9,5%, também acima de São Paulo (3,4%) e, no acumulado do primeiro trimestre de 2023, frente a igual período do ano passado, o avanço do volume de serviços foi de 8,0%. Os dados são da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), divulgada nesta terça-feira (16/5) pelo IBGE.

– O setor de serviços é a principal fonte de geração de postos de trabalho e desempenha um papel estratégico no desenvolvimento econômico. No primeiro trimestre deste ano, foi responsável por 93,4% de todos os empregos criados em nosso estado. Os resultados positivos consecutivos e o otimismo demonstrado pelos empresários do segmento confirmam a retomada econômica e o crescimento dos negócios no Rio de Janeiro – declarou o governador Cláudio Castro.

A pesquisa do IBGE mostra ainda que, na comparação mensal, o resultado no Estado do Rio ficou bem acima da média nacional (0,9%).

– Junto com o comércio, o setor de serviços é responsável por 75% do PIB fluminense. Em 2020, o setor movimentou nada menos que R$ 565,3 bilhões, gerando milhares de empregos para a população fluminense – explicou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços, Vinicius Farah.

De acordo com o IBGE, o setor de transportes, principalmente o de cargas, se destacou como a principal influência positiva em março. Outras duas atividades também avançaram em volume no mês de março: os serviços profissionais, administrativos e complementares, e o setor de serviços de informação e comunicação.