Ouça agora

Ao vivo

Rio das Ostras fecha ruas para oferecer mais segurança no Jazz e Blues
Costa do Sol
Rio das Ostras fecha ruas para oferecer mais segurança no Jazz e Blues
Defesa Civil de Macaé divulga comunicado sobre rajadas de vento na região
Norte Fluminense
Defesa Civil de Macaé divulga comunicado sobre rajadas de vento na região
Defesa Civil de Angra presta auxílio ao Rio Grande do Sul
Angra dos Reis
Defesa Civil de Angra presta auxílio ao Rio Grande do Sul
Assistência Social registra quase 3 mil atendimentos no mutirão do CadÚnico
Maricá
Assistência Social registra quase 3 mil atendimentos no mutirão do CadÚnico
Cinema e cultura popular são os destaques da semana no II Festival de Artes de Nova Iguaçu
Nova Iguaçu
Cinema e cultura popular são os destaques da semana no II Festival de Artes de Nova Iguaçu
Polícia Civil faz operação contra venda ilícita de cobre em diversas regiões do RJ
Estado
Polícia Civil faz operação contra venda ilícita de cobre em diversas regiões do RJ
Lojistas cariocas esperam aumento de 4% nas vendas para o 12 de Junho
Rio de Janeiro
Lojistas cariocas esperam aumento de 4% nas vendas para o 12 de Junho

Programa ‘Voa Brasil’ vai oferecer passagens a R$ 200 para alguns passageiros

Programa do Governo Federal deve ser lançado em agosto em parceria com companhias aéreas e vai beneficiar algumas categorias de passageiros.
Foto: Reprodução

O programa “Voa Brasil” é uma iniciativa do Governo Federal que pretende oferecer passagens aéreas mais baratas no valor de R$ 200 para algumas categorias de passageiros.

O programa deve ser lançado no segundo semestre e poderá ser acessado por meio de um aplicativo para celulares. Os bilhetes estarão disponíveis fora da alta temporada, de fevereiro a junho e de agosto a novembro. Nesses meses é comum que ocorra uma ociosidade de 21% nos voos domésticos.

A ideia do Governo Federal não é subsidiar os bilhetes, mas vender por um preço mais baratos os assentos que costumam ficar vazios nas aeronaves. O ministro de Portos e Aeroportos, Márcio França, confirmou em março que as companhias GOL Linhas Aéreas e Azul já aderiram ao programa.

Não há ainda uma data exata para o lançamento da plataforma, mas sim uma estimativa. Em entrevista ao programa de rádio estatal “Voz do Brasil”, na segunda-feira (26), o ministro de Portos e Aeroportos, Márcio França, informou que a plataforma deve entrar em funcionamento em agosto. O que foi adiantado pelo ministro Márcio França é que a plataforma vai ter um campo onde o usuário vai digitar o CPF e depois informar que não voou nos últimos 18 meses, e depois inserir o trecho da viagem (de Brasília à Manaus, por exemplo). Em seguida, o app vai apresentar todas as opções de passagens que são sempre por um valor único de R$ 200 para ida e R$ 200 na volta.

Os aposentados e pensionistas do INSS são alguns dos beneficiados pelo programa. Foto: Reprodução

Infelizmente a iniciativa engloba um grupo determinado de pessoas. O objetivo é de vender passagens aéreas mais baratas para aposentados e pensionistas do INSS; funcionários públicos municipais, estaduais e federais com salário de até R$ 6,8 mil e estudantes que são contemplados pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Os participantes do programa “Voa Brasil” terão direito a comprar até duas passagens por ano, com direito a acompanhante em cada trecho. Os bilhetes podem ser parcelados em até 12 vezes com juros, no valor de R$ 72 por prestação.