Ouça agora

Ao vivo

Comando de Polícia Rodoviária registra queda no número de acidentes com vítimas fatais durante o feriado de São Jorge
Destaque
Comando de Polícia Rodoviária registra queda no número de acidentes com vítimas fatais durante o feriado de São Jorge
Alerj aprova projeto para ampliar combate ao trabalho análogo à escravidão
Política
Alerj aprova projeto para ampliar combate ao trabalho análogo à escravidão
Prefeitura do Rio promove consulta pública sobre concessão de parques municipais
Rio de Janeiro
Prefeitura do Rio promove consulta pública sobre concessão de parques municipais
Maricá recebe prêmio destaque do artesanato na 16ª Rio Artes
Maricá
Maricá recebe prêmio destaque do artesanato na 16ª Rio Artes
Passagem de carretas interditará descida da serra de Petrópolis na madrugada de 25/04
Estado
Passagem de carretas interditará descida da serra de Petrópolis na madrugada de 25/04
Cidades do Rio podem ganhar “Café do Trabalhador”
Política
Cidades do Rio podem ganhar “Café do Trabalhador”
CBF divulga data e horário dos jogos da terceira fase da Copa do Brasil
Esportes
CBF divulga data e horário dos jogos da terceira fase da Copa do Brasil

Vereadores aprovam propostas para novo Plano Diretor do Rio

O Projeto, renovado a cada 10 anos, define as prioridades para o futuro da cidade e traz como novidades o IPTU progressivo e o esforço para ocupar o Centro e a Zona Norte.
Foto: Reprodução

O novo Plano Diretor do município, com as propostas enviadas pela Prefeitura do Rio, foi aprovado nesta quarta-feira (28) em primeira discussão, pelos vereadores do Rio de Janeiro. O texto final do projeto só deve ser votado em setembro, após nova rodada de debates entre os parlamentares.

O projeto, que é renovado a cada dez anos, pretende definir as prioridades para o futuro do município em setores como moradia, saneamento, mobilidade, meio ambiente. O último Plano Diretor do Rio é de 2011.

De acordo com o vereador Pedro Duarte, nesse primeiro momento houve a questão de aprovar ou não as emendas do executivo. “Isso foi o que ficou combinado. E na segunda discussão, no segundo semestre, nós vamos apresentar as nossas propostas. Eu tenho algumas dezenas de emendas que eu quero apresentar”, declarou o parlamentar.

Na sessão desta quarta, os vereadores aprovaram algumas das 236 emendas propostas pelo Poder Executivo. Para a aprovação definitiva do novo Plano Diretor, a Câmara de Vereadores também precisará votar as emendas encaminhadas pelos membros do legislativo, além de votar o texto final do projeto.

Ao longo da sessão, os vereadores definiram quais emendas propostas pelo Poder Executivo entrariam no texto que seria votado nesta quarta. A votação terminou com 39 vereadores a favor das propostas do governo e sete parlamentares contrários, além de uma abstenção.

A expectativa dos vereadores é que essa segunda discussão só aconteça em setembro, visto que a Câmara entrará em recesso parlamentar durante o mês de julho e as emendas serão apresentadas em agosto.