Ouça agora

Ao vivo

Dia Mundial sem Tabaco é lembrado em Macaé
Norte Fluminense
Dia Mundial sem Tabaco é lembrado em Macaé
Maratona do Rio 2024 começa nesta quinta-feira com recorde de inscritos
Rio de Janeiro
Maratona do Rio 2024 começa nesta quinta-feira com recorde de inscritos
Prefeitura de Maricá divulga programação de Corpus Christi
Maricá
Prefeitura de Maricá divulga programação de Corpus Christi
Paraty e Angra dos Reis recebem lançamento de livro sobre a Costa Verde
Angra dos Reis
Paraty e Angra dos Reis recebem lançamento de livro sobre a Costa Verde
Prazo para adesão ao Desenrola Fies é prorrogado até 31 de agosto
Destaque
Prazo para adesão ao Desenrola Fies é prorrogado até 31 de agosto
Estudantes de Caxias ganham nova escola municipal bilíngue
Baixada Fluminense
Estudantes de Caxias ganham nova escola municipal bilíngue
Ocupação hoteleira na Região dos Lagos deve ultrapassar os 75% durante o feriadão de Corpus Christi
Costa do Sol
Ocupação hoteleira na Região dos Lagos deve ultrapassar os 75% durante o feriadão de Corpus Christi

Valendo vaga para as Olimpíadas de Paris, Campeonato Pan-Americano e Oceania de Judô 2024 começa com apoio do Governo do Estado

Competições vão de 22 a 28 de abril com entrada franca no Parque Olímpico da Barra; Secretaria de Esporte e Lazer garantiu passagens e hospedagens de atletas
Foto: Reprodução Internet

Na corrida por uma vaga nas Olimpíadas de Paris 2024, o Rio de Janeiro recebe a partir desta segunda-feira (22), o Campeonato Pan-Americano e Oceania de Judô 2024. Realizado na Arena Carioca 1 do Parque Olímpico da Barra da Tijuca, entre os dias 22 e 28 de abril, o evento é organizado pela Confederação Brasileira de Judô (CBJ) em parceria com o Instituto Ofir, via Lei de Incentivo ao Esporte do Estado. Participam do campeonato os principais judocas nas classes Sub-18, Sub-21 e Sênior.

O torneio também contou com o apoio da Secretaria estadual de Esporte e Lazer, que garantiu passagens e hospedagens aos atletas com recursos da contrapartida social da Lei de Incentivo – aporte de R$ 326 mil. Com entrada gratuita todos os dias, o campeonato é o último continental que pode classificar para os Jogos Olímpicos de Paris e promete um grande espetáculo de técnicas, lutas e superação.

“Voltar a ter o cenário mundial do judô aqui no Rio de Janeiro com os principais atletas desse esporte é permitir o resgate de uma das modalidades que mais trouxe medalhas na rica história olímpica brasileira. Um esporte altamente inclusivo, tanto para homens quanto para mulheres, e que, portanto, tem um poder educacional muito forte para os jovens e crianças. Receber uma competição desse nível novamente demonstra a força e capacidade do Rio de Janeiro em realizar grandes eventos internacionais esportivos”, afirma o secretário de Esporte e Lazer, Rafael Picciani.

A agenda de disputas começa hoje com os embates da classe Sub-18. Na terça-feira (23), será a vez dos judocas Sub-21 mostrarem suas habilidades e, na quarta (24), estão marcadas as competições por equipes mistas das duas classes. O Pan Sênior inicia na sexta-feira (26) e segue até domingo (28), quando a disputa por equipes mistas encerra o evento.

O presidente da Confederação Brasileira de Judô (CBJ), Silvio Acácio Borges, enfatiza a importância do campeonato na classificação para Paris 2024 e afirma que a seleção brasileira contará com o apoio da torcida na cidade onde conquistou medalhas olímpicas e mundiais.

“Estamos honrados em receber os melhores atletas das Américas e da Oceania. Nosso país e nosso povo são reconhecidos pela hospitalidade calorosa ao receber visitantes de todo o mundo e com a família do judô não será diferente. Temos o compromisso de oferecer o melhor evento possível, com infraestrutura, organização e a típica paixão brasileira em tudo o que fazemos. Este campeonato tem enorme importância na classificação para Paris 2024 e, por isso, nos esforçaremos para oferecer as melhores condições aos judocas em busca da cobiçada vaga olímpica”, disse Silvio Acácio Borges, presidente da CBJ.

Além de patrocínio da Light, por meio da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte do Governo do Rio de Janeiro, o evento tem a chancela da Confederação Pan-Americana de Judô, da União de Judô da Oceania e da Federação Internacional de Judô, com o apoio do Comitê Olímpico do Brasil e da Federação de Judô do Estado do Rio de Janeiro.