Ouça agora

Ao vivo

PM prende homem com drogas em Macaé
Norte Fluminense
PM prende homem com drogas em Macaé
Segurança Presente resgata 42 pessoas de um suposto centro de reabilitação clandestino em Nova Iguaçu
Nova Iguaçu
Segurança Presente resgata 42 pessoas de um suposto centro de reabilitação clandestino em Nova Iguaçu
Anuário Brasileiro de Segurança Pública aponta redução das Mortes Violentas Intencionais no RJ
Destaque
Anuário Brasileiro de Segurança Pública aponta redução das Mortes Violentas Intencionais no RJ
Escola Municipal do Idoso está com inscrições abertas até o dia 23/07
Maricá
Escola Municipal do Idoso está com inscrições abertas até o dia 23/07
Colecionadores podem comprar selos em comemoração aos 50 anos da Hello Kitty
Destaque
Colecionadores podem comprar selos em comemoração aos 50 anos da Hello Kitty
Inscrições para o Prouni abrem nesta terça-feira (23)
Brasil
Inscrições para o Prouni abrem nesta terça-feira (23)
Cláudio Castro autoriza construção de três novos batalhões da PM
Destaque
Cláudio Castro autoriza construção de três novos batalhões da PM

Sampaoli não vai pedir demissão: “Avaliação do presidente”

Foto: Reprodução / Twitter

Em entrevista coletiva, neste domingo (24), no Morumbi, após o vice-campeonato da Copa do Brasil para o São Paulo, o técnico do Flamengo Jorge Sampaoli afirmou que não pretende entregar o cargo e deixou a decisão nas mãos do presidente Rodolfo Landim. O contrato com o clube rubro-negro vai até dezembro de 2024.

“Não penso nisso (pedir demissão). Essa avaliação tem que ser do presidente do clube. Sei que cheguei em um clube em crise, que tinha perdido quatro finais. Complicado na Copa do Brasil porque havia perdido contra o Maringá e também contra o Aucas na Libertadores. Tentamos nesses cinco meses para trocar essa realidade. Sem dúvida não aconteceu o que queria, mas, nesses cinco meses, dediquei 24 horas por dia para mudar essa realidade”, declarou o argentino.

Questionado sobre a perda do título da Copa do Brasil, Sampaoli avaliou que o resultado foi “injusto”. Para ele, antes de marcar o gol de empate, o São Paulo não havia produzido nenhum lance de perigo contra a meta do goleiro Rossi.

“Eu acho que o jogo foi favorável ao Flamengo. Nos quatro tempos, três foram para o Flamengo.  Mas isso é futebol. O São Paulo fez um gol no final do primeiro tempo, onde não havia tentado nada. No segundo tempo o time foi buscar, um jogo muito picotado pelo árbitro, muito picotado. Para mim, o time foi melhor que o São Paulo e não pôde ganhar”, afirmou o técnico rubro-negro.

Sobre a falta de regularidade da equipe, o argentino concordou que não conseguiu fazer a equipe render, desde que chegou ao clube. Por outro lado, voltou a ressaltar que o Flamengo merecia um resultado melhor na decisão da Copa do Brasil.

“Eu estou convencido disso. A regularidade comigo, o time não teve. Por isso, falava que o time teve picos. Mas os jogos que marcaram este time, que foram as eliminações de Libertadores e alguns jogos do Brasileiro no Maracanã, que a gente não esperava. Mas esta Copa, sinceramente, seguramente a análise será vinculada a isso anterior para gerar muito mais críticas e mais pressão normalmente. O Flamengo perdeu injustamente”, finalizou Sampaoli.

Após o empate em 1 a 1, Jorge Sampaoli deixou o gramado do Morumbi e foi direto para os vestiários. O técnico não esteve com o restante do elenco do Flamengo, durante a cerimônia de entrega das medalhas.