Ouça agora

Ao vivo

Flexibilização da faixa seletiva da Av. Brasil começa nesta terça-feira (23/04)
Destaque
Flexibilização da faixa seletiva da Av. Brasil começa nesta terça-feira (23/04)
Prefeitura de Duque de Caxias anuncia canalização do canal dois irmãos
Baixada Fluminense
Prefeitura de Duque de Caxias anuncia canalização do canal dois irmãos
Prefeitura vai levar artesanato de Angra para o Rio Artes
Angra dos Reis
Prefeitura vai levar artesanato de Angra para o Rio Artes
Prefeitura de Nova Iguaçu retoma obras do Viaduto de Comendador Soares
Nova Iguaçu
Prefeitura de Nova Iguaçu retoma obras do Viaduto de Comendador Soares
TRE-RJ amplia horário de atendimento até a data do fechamento do cadastro eleitoral
Estado
TRE-RJ amplia horário de atendimento até a data do fechamento do cadastro eleitoral
Capela São Jorge, em Campos, tem programação religiosa nesta terça
Norte Fluminense
Capela São Jorge, em Campos, tem programação religiosa nesta terça
Lula anuncia ampliação do programa Pé-de-Meia
Política
Lula anuncia ampliação do programa Pé-de-Meia

Projeto Castramóvel chega ao município de Niterói

Cada ônibus conta em média com uma equipe de 25 profissionais, todo o procedimento de esterilização leva no mínimo 45 minutos.
Foto: Reprodução

Tutores e protetores de cães ou gatos na de Niterói e adjacências poderão castrar seus animaizinhos no ônibus castramóvel do RJPET, programa da Secretaria de Estado de Saúde. As esterilizações começaram nesta segunda-feira (19) e vão até o dia 21 de julho.

O horário de funcionamento do ônibus castramóvel será das 9h às 16h20, de segunda a sexta-feira, exceto feriados. Os agendamentos devem ser realizados exclusivamente pelo site: rjpet.com.br. Os protetores podem agendar até oito castrações mensais; os tutores, um animal por mês.

Cada ônibus conta em média com uma equipe de 25 profissionais, entre veterinários, técnicos e auxiliares, atuando desde a castração até a devolução do animal para o tutor. Todo o procedimento leva no mínimo 45 minutos.

A subsecretária de Proteção e Bem-Estar Animal, Camila Costa, destaca que as pessoas que não têm a possibilidade de comparecer aos ônibus também podem usar o serviço.

“No site, há a opção de marcar o procedimento em uma clínica veterinária mais próxima de sua casa. E temos clínicas em todas as regiões do estado. Os endereços estão disponíveis na página”, afirmou.

O programa do Castramóvel RJPET no Rio de Janeiro completa um ano e meio de seu lançamento, tornando-se o maior programa de castração do mundo. Ao longo desse período, essa iniciativa revolucionária tem trazido enormes benefícios para a saúde e bem-estar dos animais e para a sociedade como um todo.

O lançamento aconteceu em dezembro de 2021 após iniciativa do deputado federal Marcelo Queiroz (PP-RJ), que na época ocupava o cargo de Secretário de Agricultura do RJ, responsável pelas Políticas Públicas de Proteção e Bem-Estar Animal.

Durante esse período, mais de 270 mil animais, entre cães e gatos foram castrados. Hoje, a Subsecretaria de Proteção e Bem-Estar Animal, faz parte da Secretaria de Saúde do estado, que continua desempenhando o mesmo papel iniciado pelo deputado Marcelo Queiroz.

“Tive a honra de idealizar e iniciar o programa no Rio, com apoio do governador Cláudio Castro que, junto com o secretário Dr.Luizinho, se comprometeram na manutenção do programa, que agora está na Secretaria Estadual de Saúde. Só tenho que agradecer pela confiança e parceria”, disse.

O Castramóvel é uma unidade móvel equipada com profissionais altamente capacitados, que oferece serviços de castração de forma gratuita. O programa tem como objetivo principal controlar a população de animais domésticos, prevenindo o abandono e reduzindo a superpopulação nas ruas.

De acordo com Marcelo Queiroz, além dos benefícios diretos para os animais, o Castramóvel também contribui para a conscientização da população sobre a importância da castração como um ato de responsabilidade.

“O sucesso do programa tem inspirado outras cidades a implementarem ações semelhantes. E agora, como deputado federal, estou trabalhando firme para que seja implementado um Programa Nacional de Castração no governo federal”, explicou o deputado.