Ouça agora

Ao vivo

Putin faz exigências para “negociar a paz” com a Ucrânia após encontro do G7
Mundo
Putin faz exigências para “negociar a paz” com a Ucrânia após encontro do G7
Justiça considera ilegal greve dos educadores de Macaé
Norte Fluminense
Justiça considera ilegal greve dos educadores de Macaé
Governo do estado cria Observatório do Feminicídio
Estado
Governo do estado cria Observatório do Feminicídio
Polícia Militar expande programas de polícia de proximidade na zona sul
Rio de Janeiro
Polícia Militar expande programas de polícia de proximidade na zona sul
Prédio no Centro Histórico de Petrópolis é destruído por incêndio
Região Serrana
Prédio no Centro Histórico de Petrópolis é destruído por incêndio
Termina hoje prazo para inscrição no Enem
Destaque
Termina hoje prazo para inscrição no Enem
RS receberá caravana do governo para garantir acesso a benefícios
Política
RS receberá caravana do governo para garantir acesso a benefícios

Procon-RJ descarta mais de 200 quilos de alimentos impróprios na Região Metropolitana do Rio

Doze supermercados foram fiscalizados e estabelecimentos autuados têm 15 dias para apresentarem suas defesas.
Foto: Reprodução

O Procon Estadual descartou 210,5 quilos de alimentos impróprios ao consumo durante fiscalização em 12 supermercados em bairros das zonas Norte, Sul, Oeste e no Centro da capital do Rio, além dos municípios de Nova Iguaçu e Nilópolis, na Baixada Fluminense. A ação que ocorreu nesta terça e quarta-feira (18 e 19/07) em atendimento às denúncias que chegaram à autarquia. Os estabelecimentos foram autuados e terão 15 dias para apresentarem as suas defesas.

Nesses dois dias de operação, os fiscais encontraram irregularidades como produtos vencidos, sem especificação quanto à manipulação e nova data de validade, armazenados fora das especificações do fabricante, publicidade enganosa e também problemas estruturais nos estabelecimentos.

– Fiscalizações como estas serão constantes, visando orientar fornecedores e proteger os consumidores. Algumas das irregularidades encontradas põem em risco a saúde do consumidor e estaremos atentos para coibirmos qualquer tipo de abuso – ressalta Cássio Coelho, presidente do Procon-RJ.

O consumidor que desejar fazer denúncias ou reclamações, poderá acessar os canais de atendimento disponíveis no site oficial: www.procon.rj.gov.br.