Ouça agora

Ao vivo

Dia Mundial sem Tabaco é lembrado em Macaé
Norte Fluminense
Dia Mundial sem Tabaco é lembrado em Macaé
Maratona do Rio 2024 começa nesta quinta-feira com recorde de inscritos
Rio de Janeiro
Maratona do Rio 2024 começa nesta quinta-feira com recorde de inscritos
Prefeitura de Maricá divulga programação de Corpus Christi
Maricá
Prefeitura de Maricá divulga programação de Corpus Christi
Paraty e Angra dos Reis recebem lançamento de livro sobre a Costa Verde
Angra dos Reis
Paraty e Angra dos Reis recebem lançamento de livro sobre a Costa Verde
Prazo para adesão ao Desenrola Fies é prorrogado até 31 de agosto
Destaque
Prazo para adesão ao Desenrola Fies é prorrogado até 31 de agosto
Estudantes de Caxias ganham nova escola municipal bilíngue
Baixada Fluminense
Estudantes de Caxias ganham nova escola municipal bilíngue
Ocupação hoteleira na Região dos Lagos deve ultrapassar os 75% durante o feriadão de Corpus Christi
Costa do Sol
Ocupação hoteleira na Região dos Lagos deve ultrapassar os 75% durante o feriadão de Corpus Christi

Prefeitura de Nova Iguaçu retoma obras do Viaduto de Comendador Soares

Foto: Reprodução / Prefeitura de Nova Iguaçu

Após ficar quatro anos paradas, as obras do Viaduto de Comendador Soares foram retomadas pela Prefeitura de Nova Iguaçu. O retorno foi possível após acordo administrativo com famílias de 13 residências e com a decisão judicial com outros dois proprietários. Todo esse processo envolvendo os 15 imóveis que estavam no percurso do viaduto durou de 2021 a 2023. A retomada também se deu por conta de novos repasses do Governo do Estado, parceiro na construção da via.

O principal objetivo da construção é aliviar o tráfego na região, desviando uma parte significativa do fluxo de veículos da Estrada de Madureira diretamente para a Rodovia Presidente Dutra. O viaduto, de 326 metros, terá capacidade para receber cerca de 3,5 mil veículos por dia e funcionará em mão dupla, conectando a Avenida Lafaiete Pimenta à Avenida Tancredo Neves.

Atualmente, as equipes da empresa contratada estão executando o complemento do estaqueamento e confecção dos blocos de sustentação e implantação de pilares, etapa que deve durar até cinco meses. A SEMIF também está realizando, com a SuperVia, o deslocamento da rede elétrica da linha férrea que interfere no caminho do viaduto. Será necessário fazer a instalação de quatro torres metálicas para sustentação dos cabos de energia da concessionária.

“A retomada das obras é uma vitória para todos nós. Estamos comprometidos em trazer melhorias significativas para a infraestrutura da região”, afirma Cleide Moreira, secretária municipal de Infraestrutura.