Ouça agora

Ao vivo

Cantinas de prisões e hospitais penitenciários deixam de funcionar
Destaque
Cantinas de prisões e hospitais penitenciários deixam de funcionar
Estudantes de Maricá conquistam medalhas nos Jogos Escolares do Rio de Janeiro
Maricá
Estudantes de Maricá conquistam medalhas nos Jogos Escolares do Rio de Janeiro
Luiz Gonzaga será homenageado em Arraiá de Duque de Caxias
Destaque
Luiz Gonzaga será homenageado em Arraiá de Duque de Caxias
Coletivo Vista Minha Pele faz ação em Rio das Ostras
Costa do Sol
Coletivo Vista Minha Pele faz ação em Rio das Ostras
Angra reforça a atualização do CadÚnico
Angra dos Reis
Angra reforça a atualização do CadÚnico
Prefeitura do Rio derruba mansões de luxo de até R$ 4 milhões no Joá
Destaque
Prefeitura do Rio derruba mansões de luxo de até R$ 4 milhões no Joá
Celebração em Honra a São Cristóvão movimenta Macaé neste fim de semana
Norte Fluminense
Celebração em Honra a São Cristóvão movimenta Macaé neste fim de semana

Polícia Militar empregará 765 agentes para a semifinal da Libertadore entre Fluminense e Internacional

A partida será realizada no Estádio Jornalista Mário Filho (Maracanã) a partir das 21h30
Foto: Reprodução

A Secretaria de Estado de Polícia Militar do Rio de Janeiro empregará um efetivo de 765 policiais militares para o primeiro jogo da semifinal entre Fluminense e Internacional, da Copa Libertadores da América, nesta quarta-feira (27/09), a partir das 21h30.

A partida será realizada no Estádio Jornalista Mário Filho (Maracanã), localizado na Zona Norte da cidade do Rio de Janeiro, onde estarão trabalhando policiais militares do Batalhão Especializado de Policiamento em Estádios (BEPE), do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq), do Regimento Polícia Montada (RPMOnt) e do Batalhão de Ações com Cães (BAC), somando-se efetivo do 4ºBPM (São Cristóvão) e do 6ºBPM (Tijuca). Além das unidades citadas atuando em todo perímetro interno e externo da arena esportiva, o Grupamento Aeromóvel (GAM) da Polícia Militar estará fazendo o monitoramento aéreo da região.

O deslocamento de espectadores rumo ao Maracanã receberá atenção das unidades da Polícia Militar nas vias públicas e nos modais de transporte através do Grupamento de Policiamento Ferroviária (GPFer), outras unidades que margeiam as áreas de acesso ao estádio e do Batalhão de Policiamento em Vias Expressas (BPVE).

O planejamento de segurança repercute para além da capital do Estado. Os pontos de concentração de torcedores em municípios fora da cidade do Rio de Janeiro também terão reforço no policiamento. A Polícia Militar permanece atenta à movimentação de possíveis membros de torcidas organizadas que estão impedidas de acessar o estádio, conforme determinação judicial.