Ouça agora

Ao vivo

Flexibilização da faixa seletiva da Av. Brasil começa nesta terça-feira (23/04)
Destaque
Flexibilização da faixa seletiva da Av. Brasil começa nesta terça-feira (23/04)
Prefeitura de Duque de Caxias anuncia canalização do canal dois irmãos
Baixada Fluminense
Prefeitura de Duque de Caxias anuncia canalização do canal dois irmãos
Prefeitura vai levar artesanato de Angra para o Rio Artes
Angra dos Reis
Prefeitura vai levar artesanato de Angra para o Rio Artes
Prefeitura de Nova Iguaçu retoma obras do Viaduto de Comendador Soares
Nova Iguaçu
Prefeitura de Nova Iguaçu retoma obras do Viaduto de Comendador Soares
TRE-RJ amplia horário de atendimento até a data do fechamento do cadastro eleitoral
Estado
TRE-RJ amplia horário de atendimento até a data do fechamento do cadastro eleitoral
Capela São Jorge, em Campos, tem programação religiosa nesta terça
Norte Fluminense
Capela São Jorge, em Campos, tem programação religiosa nesta terça
Lula anuncia ampliação do programa Pé-de-Meia
Política
Lula anuncia ampliação do programa Pé-de-Meia

Museu do Amanhã será palco de manifestação contra lesbofobia após episódio de violência

O protesto irá acontecer neste sábado (03), na Praça Mauá a partir do 12h
Foto: Divulgação/Manifestação

Após o episódio de agressões e ofensas feitas por uma psicóloga a uma chef de cozinha em um restaurante, no Museu do Amanhã, o local será palco de uma manifestação contra a lesbofobia e entre outros tipos de preconceito. O protesto deve ocorrer neste sábado (03), na Praça Mauá, às 12h.

O protesto está sendo encabeçado por um grupo cooperativo de lésbicas, de acordo com elas a ideia é proporcionar um espaço de encontros, debates e resistência para mulheres sapatonas que se identificaram com a dor da vítima e que querem dar uma resposta à sociedade afirmando que a lesbofobia e todas as formas de opressão não serão toleradas e as vítimas não serão silenciadas. Estarão presentes artistas, movimentos sociais e parlamentares.

Episódio de violência

O episódio de violência aconteceu no último sábado (29), a psicóloga Juliana de Almeida Cezar Machado foi filmada ofendendo e sendo agressiva com alguns funcionários de um restaurante Casa do Saulo, no Museu do Amanhã. A chef de cozinha Isabela Duarte e o auxiliar de cozinha, Henrique Lixa, foram feridos pela mulher. Isabela teve o braço cortado por estilhaços de vidro que a cliente arremessou e Henrique está com a boca machucada em decorrência da agressão em seu rosto. Ambos os funcionários também foram alvos de ofensas homofóbicas por ela.

No vídeo, Juliana se intitula desembargadora, mas na verdade é psicóloga. As cenas aconteceram no restaurante Casa do Saulo. Ofensas como: “Eu vou denunciar essa p…. Eu sou desembargadora, sua p… e vou trazer a polícia aqui pra fechar essa m… Eu sou desembargadora. Você está f… Seu v… Você é sapatão. Sua sapatão de m…”, foram registradas nas filmagens.