Ouça agora

Ao vivo

Comando de Polícia Rodoviária registra queda no número de acidentes com vítimas fatais durante o feriado de São Jorge
Destaque
Comando de Polícia Rodoviária registra queda no número de acidentes com vítimas fatais durante o feriado de São Jorge
Alerj aprova projeto para ampliar combate ao trabalho análogo à escravidão
Política
Alerj aprova projeto para ampliar combate ao trabalho análogo à escravidão
Prefeitura do Rio promove consulta pública sobre concessão de parques municipais
Rio de Janeiro
Prefeitura do Rio promove consulta pública sobre concessão de parques municipais
Maricá recebe prêmio destaque do artesanato na 16ª Rio Artes
Maricá
Maricá recebe prêmio destaque do artesanato na 16ª Rio Artes
Passagem de carretas interditará descida da serra de Petrópolis na madrugada de 25/04
Estado
Passagem de carretas interditará descida da serra de Petrópolis na madrugada de 25/04
Cidades do Rio podem ganhar “Café do Trabalhador”
Política
Cidades do Rio podem ganhar “Café do Trabalhador”
CBF divulga data e horário dos jogos da terceira fase da Copa do Brasil
Esportes
CBF divulga data e horário dos jogos da terceira fase da Copa do Brasil

Marcos Braz tem plenos poderes no Flamengo sob respaldo de Rodolfo Landim

Em uma possível queda de braço atacante Gabigol pode sair do rubro-negro carioca.
Foto: Divulgação

O Flamengo venceu o Fortaleza por 2 x 0, no Maracanã, no último sábado (1), mas parece que os ânimos internamente estavam à flor da pele. Segundo o Globoesporte,.com, houve uma discussão entre Gabigol e o vice-presidente de futebol do clube carioca, Marcos Braz no intervalo do jogo.

Ao entrar no vestiário, Gabigol reclamou de dores no tornozelo direito e da lesão novamente. Ao ver entrada do dirigente no local, voltou as cobranças ao vice-presidente de futebol por conta dos buracos espalhados pelo gramado do Maracanã.

Ainda após a vitória do Flamengo, houve mais um desentendimento entre as partes, Macio Tannure, médico do Flamengo, informou a Gabigol que o jogador teria que fazer o exame antidoping. O camisa 10 não gostou, e voltou a fazer reclamações. Marcos Braz ficou insatisfeito com a atitude e reiniciou a discussão. Gerson foi um dos responsáveis por tentar apartar a confusão entre os dois.

Informação desta manhã, é que em uma possível queda de braço, Marcos Braz teria 100% de respaldo do presidente Rodolfo Landim