Ouça agora

Ao vivo

Cantinas de prisões e hospitais penitenciários deixam de funcionar
Destaque
Cantinas de prisões e hospitais penitenciários deixam de funcionar
Estudantes de Maricá conquistam medalhas nos Jogos Escolares do Rio de Janeiro
Maricá
Estudantes de Maricá conquistam medalhas nos Jogos Escolares do Rio de Janeiro
Luiz Gonzaga será homenageado em Arraiá de Duque de Caxias
Destaque
Luiz Gonzaga será homenageado em Arraiá de Duque de Caxias
Coletivo Vista Minha Pele faz ação em Rio das Ostras
Costa do Sol
Coletivo Vista Minha Pele faz ação em Rio das Ostras
Angra reforça a atualização do CadÚnico
Angra dos Reis
Angra reforça a atualização do CadÚnico
Prefeitura do Rio derruba mansões de luxo de até R$ 4 milhões no Joá
Destaque
Prefeitura do Rio derruba mansões de luxo de até R$ 4 milhões no Joá
Celebração em Honra a São Cristóvão movimenta Macaé neste fim de semana
Norte Fluminense
Celebração em Honra a São Cristóvão movimenta Macaé neste fim de semana

Mais de 2 mil alunos da rede municipal de ensino de Queimados visitam a Bienal do Livro

Alunos e professores da rede municipal do município receberão vale-livros para Bienal
Imagem: Divulgação

No ano que a Bienal do Livro comemora seus 40 anos, cerca de 2,5 mil alunos e professores de Queimados marcarão presença no maior evento que reúne grandes nomes da literatura. Como forma de incentivar a leitura da comunidade escolar, a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Educação, contemplará os estudantes e docentes da rede municipal de ensino com vouchers para serem utilizados na compra de livros. Essa é a primeira vez na história da cidade que a gestão municipal distribui esse tipo de incentivo.

Os vale-livros no valor de R$ 50 serão entregues para cerca de 1,5 mil alunos; e de R$ 100 para os 1,1 mil professores, orientadores e supervisores. As visitas com estudantes vão acontecer nos dias 1, 4, 5 e 6 de setembro. Já os docentes podem participar da Bienal até o dia 7.

O objetivo, segundo o secretário municipal de Educação André Monsores, é fomentar a leitura e produção textual dos alunos. O secretário explica que neste ano a rede municipal criou um componente curricular para incentivar ainda mais os alunos a embarcarem no mundo da imaginação e escrita.

– Nesse grande projeto, incluímos a ‘Produção Textual e Leitura’ no currículo escolar dos alunos. Ao mesmo tempo, implementamos um projeto de escrita que culminará na publicação de um livro no final do ano e organizamos a I Feira Literária de Queimados, que foi o grande evento que reuniu escritores, contadores de histórias e realização de oficinas para fomentar o amor pela leitura – destaca o gestor.

Os investimentos para que os alunos possam viajar no mundo da leitura e imaginação é uma realidade no município. Tanto que a gestão municipal firmou uma parceria com a plataforma gamificada de leitura “Árvore Livros”. O objetivo é promover o acesso facilitado a mais de 40 mil exemplares de livros para os alunos da rede municipal. Com isso, Queimados se tornou a primeira cidade do Estado a utilizar essa ferramenta para incentivar a leitura entre os estudantes.

– A plataforma tem a compatibilidade entre a ferramenta e a proposta pedagógica da rede municipal de ensino. Isso auxilia e muito o trabalho pedagógico dos professores, pois oferece avaliações contínuas do desempenho dos alunos na leitura e escrita. Alunos com acesso à árvore leem em média 6,2 livros ao ano, sendo que a média nacional é de menos 2 por ano – ressalta o secretário.