Ouça agora

Ao vivo

Procon e Conselho de Veterinária fazem fiscalização e interditam clínicas na zona norte do Rio
Estado
Procon e Conselho de Veterinária fazem fiscalização e interditam clínicas na zona norte do Rio
Governo se reúne com professores e servidores federais em greve para discutir revisão de carreira
Destaque
Governo se reúne com professores e servidores federais em greve para discutir revisão de carreira
Rio das Ostras e Senac RJ oferecem curso gratuito no setor de Gastronomia
Costa do Sol
Rio das Ostras e Senac RJ oferecem curso gratuito no setor de Gastronomia
Workshop de atendimento segue com inscrições abertas
Angra dos Reis
Workshop de atendimento segue com inscrições abertas
Maricá lança ferramenta de segurança nas escolas
Maricá
Maricá lança ferramenta de segurança nas escolas
Nova Iguaçu recebe mais uma edição da Festa de São Jorge
Nova Iguaçu
Nova Iguaçu recebe mais uma edição da Festa de São Jorge
Governador Cláudio Castro nomeia novo secretário de Polícia Militar
Estado
Governador Cláudio Castro nomeia novo secretário de Polícia Militar

Lula lança pacote de medidas para fortalecer segurança pública no Brasil

Evento no Palácio do Planalto também terá assinatura de decreto especifico para Estados da Amazônia Legal
Imagem: Reprodução

Nesta sexta-feira (21), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lançou um pacote de medidas para fortalecer as políticas de segurança nos estados e no Distrito Federal, como parte do Programa Ação na Segurança Pública (PAS) do Ministério da Justiça e Segurança Pública. As medidas incluem combate à violência nas escolas, controle de armas e clubes de tiro, repasses financeiros aos estados e DF, reajustes salariais para profissionais da segurança pública e endurecimento de leis relacionadas a ataques ao Estado Democrático de Direito.

Antes do lançamento, Lula se encontrou com o ministro da Justiça Flávio Dino (PSB) para assinar o decreto do Plano Amazônia de Segurança e Soberania (Plano AMAS), destinado a promover iniciativas de segurança pública na Amazônia Legal, com um investimento de R$ 2 bilhões provenientes do ministério e do BNDES.

Flávio Dino compartilhou informações sobre as medidas em suas redes sociais, citando dados divulgados no Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2023 do FBSP, que ressaltam a importância e direção correta das ações anunciadas pelo presidente.

Além disso, o Ministério da Justiça e a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) estão trabalhando com as operadoras de telefonia para criar medidas de desestímulo a roubos e furtos de celulares. A cerimônia de apresentação do Programa Ação na Segurança Pública ocorreu às 11 horas, no Palácio do Planalto.