Ouça agora

Ao vivo

Rio das Ostras fecha ruas para oferecer mais segurança no Jazz e Blues
Costa do Sol
Rio das Ostras fecha ruas para oferecer mais segurança no Jazz e Blues
Defesa Civil de Macaé divulga comunicado sobre rajadas de vento na região
Norte Fluminense
Defesa Civil de Macaé divulga comunicado sobre rajadas de vento na região
Defesa Civil de Angra presta auxílio ao Rio Grande do Sul
Angra dos Reis
Defesa Civil de Angra presta auxílio ao Rio Grande do Sul
Assistência Social registra quase 3 mil atendimentos no mutirão do CadÚnico
Maricá
Assistência Social registra quase 3 mil atendimentos no mutirão do CadÚnico
Cinema e cultura popular são os destaques da semana no II Festival de Artes de Nova Iguaçu
Nova Iguaçu
Cinema e cultura popular são os destaques da semana no II Festival de Artes de Nova Iguaçu
Polícia Civil faz operação contra venda ilícita de cobre em diversas regiões do RJ
Estado
Polícia Civil faz operação contra venda ilícita de cobre em diversas regiões do RJ
Lojistas cariocas esperam aumento de 4% nas vendas para o 12 de Junho
Rio de Janeiro
Lojistas cariocas esperam aumento de 4% nas vendas para o 12 de Junho

Guarda Costeira americana anuncia investigação sobre implosão de submarino

Segundo a Guarda Costeira, o objetivo principal é evitar um incidente similar. O Canadá também anunciou a abertura de uma investigação sobre o caso.
Foto: Reprodução

A Guarda Costeira dos Estados Unidos anunciou que vai começar uma investigação sobre a implosão que destruiu o submersível Titan, que levava cinco pessoas em uma expedição para ver os destroços do Titanic. Todos os passageiros morreram.

Segundo a Guarda Costeira, foi criado um conselho de investigação marinho (MBI), o maior nível de investigação, já que o ocorrido chamou a atenção mundial.

“Meu objetivo principal é evitar um incidente similar com as recomendações necessárias para aumentar a segurança do domínio marítimo em todo o mundo”, afirmou o investigador-chefe da Guarda Costeira, Jason Neubauer, durante entrevista coletiva em Boston.

“O MBI já está na fase inicial da coleta de evidências, incluindo operações de resgate dos destroços no local do incidente”, acrescentou.

De acordo com ele, o processo de investigação também pode fazer recomendações sobre a possível busca de sanções civis ou criminais “se for necessário”.

Além dos Estados Unidos, o Canadá, que participou das buscas pelo submersível, também anunciou a abertura de uma investigação sobre o caso.