Ouça agora

Ao vivo

Putin faz exigências para “negociar a paz” com a Ucrânia após encontro do G7
Mundo
Putin faz exigências para “negociar a paz” com a Ucrânia após encontro do G7
Justiça considera ilegal greve dos educadores de Macaé
Norte Fluminense
Justiça considera ilegal greve dos educadores de Macaé
Governo do estado cria Observatório do Feminicídio
Estado
Governo do estado cria Observatório do Feminicídio
Polícia Militar expande programas de polícia de proximidade na zona sul
Rio de Janeiro
Polícia Militar expande programas de polícia de proximidade na zona sul
Prédio no Centro Histórico de Petrópolis é destruído por incêndio
Região Serrana
Prédio no Centro Histórico de Petrópolis é destruído por incêndio
Termina hoje prazo para inscrição no Enem
Destaque
Termina hoje prazo para inscrição no Enem
RS receberá caravana do governo para garantir acesso a benefícios
Política
RS receberá caravana do governo para garantir acesso a benefícios

Flamengo bate o Santos na Vila Belmiro vazia e sobe para terceiro

Em jogo de cinco gols, time carioca se recupera após ser goleado pelo Bragantino. Peixe perde a segunda seguida em casa
Foto: Raul Baretta

Em jogo movimentado, com cinco gols, o Flamengo venceu o Santos fora de casa, por 3 a 2, na Vila Belmiro. A partida teve portões fechados por conta da punição preventiva de 30 dias que o STJD aplicou à equipe paulista. Cebolinha, Everton Ribeiro e Pulgar marcaram os gols da vitória rubro-negra. O Santos descontou com Mendoza e Rodrigo Fernández.

Com a vitória, o Flamengo saltou para a terceira colocação no Campeonato Brasileiro, com 22 pontos. Tem a mesma pontuação do Palmeiras, mas um número maior de vitórias (7 a 6). O time segue atrás de Botafogo e Grêmio, líder e vice, respectivamente.

O Santos, por sua vez, segue na 13ª colocação, com 13 pontos. O clube manteve sua posição na tabela, mas viu a turma de baixo se aproximar. Apenas dois pontos separam o Peixe da zona de rebaixamento.

Foi um primeiro tempo com muitos erros dos dois lados. O Flamengo, no entanto, teve mais iniciativa. Ficou com a bola, cometeu equívocos, mas também encontrou espaços e conseguiu chegar com menos dificuldade ao ataque. Aos 20, após cruzamento de Fabrício Bruno, a sobra ficou com Cebolinha, que abriu o placar com um bonito chute. O Peixe sentiu, e o time carioca cresceu. A equipe de Sampaoli teve chances para ampliar, mas não conseguiu. E em um rápido contra-ataque no fim da primeira etapa, Soteldo cruzou para Mendoza empatar. Tudo igual nos primeiros 45 minutos na Vila.

Ao contrário do morno primeiro tempo, a segunda etapa começou animada e com (muitos) gols. Logo no início, Everton Ribeiro aproveitou cruzamento de Gerson para colocar o Flamengo novamente na frente. A resposta do Santos foi imediata, com gol de Roberto Fernández, após rebote de Matheus Cunha. Aos 11 minutos, no entanto, Pulgar recebeu na área, bateu no cantinho e deu a vitória ao time de Sampaoli.