Ouça agora

Ao vivo

Dia Mundial sem Tabaco é lembrado em Macaé
Norte Fluminense
Dia Mundial sem Tabaco é lembrado em Macaé
Maratona do Rio 2024 começa nesta quinta-feira com recorde de inscritos
Rio de Janeiro
Maratona do Rio 2024 começa nesta quinta-feira com recorde de inscritos
Prefeitura de Maricá divulga programação de Corpus Christi
Maricá
Prefeitura de Maricá divulga programação de Corpus Christi
Paraty e Angra dos Reis recebem lançamento de livro sobre a Costa Verde
Angra dos Reis
Paraty e Angra dos Reis recebem lançamento de livro sobre a Costa Verde
Prazo para adesão ao Desenrola Fies é prorrogado até 31 de agosto
Destaque
Prazo para adesão ao Desenrola Fies é prorrogado até 31 de agosto
Estudantes de Caxias ganham nova escola municipal bilíngue
Baixada Fluminense
Estudantes de Caxias ganham nova escola municipal bilíngue
Ocupação hoteleira na Região dos Lagos deve ultrapassar os 75% durante o feriadão de Corpus Christi
Costa do Sol
Ocupação hoteleira na Região dos Lagos deve ultrapassar os 75% durante o feriadão de Corpus Christi

Felipe Melo, Diniz e Gabigol são julgados por ações em Fluminense x Flamengo e não sofrem punições

Trio foi denunciado por condutas no primeiro Fla-Flu das oitavas de final da Copa do Brasil
Foto: Thiago Ribeiro

Gabigol, do Flamengo, Felipe Melo e Fernando Diniz, do Fluminense, foram julgados no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (SJTD) nesta terça-feira, por fatos ocorridos no primeiro Fla-Flu das oitavas de final da Copa do Brasil. O jogo aconteceu no dia 16 de maio. O trio não terá que cumprir suspensões.

Gabigol e Felipe Melo foram absolvidos, enquanto Felipe Melo teve a punição de um jogo mantida – ele já cumpriu na partida da volta das oitavas de final.

Gabigol, do Flamengo

Na primeira partida das oitavas de final, Gabigol foi denunciado por simular uma agressão de Manoel, que não aconteceu.

Gabigol foi denunciado no STJD no artigo 258 do CBJD, por “assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva”, que prevê suspensão de uma a seis partidas.

Felipe Melo, do Fluminense

Expulso no primeiro no jogo das oitavas de final por falta em Gabigol, Felipe Melo cumpriu suspensão na partida seguinte da Copa do Brasil e foi denunciado no STJD no artigo 254 do CBJD por “praticar jogada violenta”, que prevê suspensão de quatro a doze partidas.

Fernando Diniz, do Fluminense

Fernando Diniz foi denunciado no STJD no artigo 258, §2º, por “desrespeitar os membros da equipe de arbitragem, ou reclamar”, e que prevê suspensão de uma a seis partidas, por ter reclamado da arbitragem após o jogo em entrevista após o jogo, em que afirmou que esperava uma arbitragem “imparcial”. O preparador físico Marcos Seixas também foi julgado pelo mesmo artigo e não terá que cumprir mais jogos.