Ouça agora

Ao vivo

Cláudio Castro se reúne com presidentes do Senado e da Câmara e defende regras mais duras para o combate ao crime
Destaque
Cláudio Castro se reúne com presidentes do Senado e da Câmara e defende regras mais duras para o combate ao crime
Governo cria sistema para emitir carteira para pessoa com TEA
Brasil
Governo cria sistema para emitir carteira para pessoa com TEA
Cantinas de prisões e hospitais penitenciários deixam de funcionar
Destaque
Cantinas de prisões e hospitais penitenciários deixam de funcionar
Estudantes de Maricá conquistam medalhas nos Jogos Escolares do Rio de Janeiro
Maricá
Estudantes de Maricá conquistam medalhas nos Jogos Escolares do Rio de Janeiro
Luiz Gonzaga será homenageado em Arraiá de Duque de Caxias
Destaque
Luiz Gonzaga será homenageado em Arraiá de Duque de Caxias
Coletivo Vista Minha Pele faz ação em Rio das Ostras
Costa do Sol
Coletivo Vista Minha Pele faz ação em Rio das Ostras
Angra reforça a atualização do CadÚnico
Angra dos Reis
Angra reforça a atualização do CadÚnico

Febre Maculosa: Campinas confirma novo caso da doença e total de sete mortes

Vítima é um homem de 40 anos, em 2023 foram nove casos e sete mortes
Imagem: Reprodução

A prefeitura de Campinas confirmou mais uma morte por febre maculosa, registrando um total de nove casos fatais em 2023, incluindo um homem de 40 anos que esteve nas margens do Rio Capivari e do Córrego São Vicente, na região do Jardim Nossa Senhora de Lourdes, no sul da cidade. O paciente apresentou sintomas em 28 de agosto e faleceu em 2 de setembro. No ano anterior, em 2022, Campinas registrou 11 casos da doença, com sete óbitos.

Em junho deste ano, a cidade enfrentou um surto de febre maculosa que teve origem na Fazenda Santa Margarida, um espaço de eventos. Para prevenir novos casos, a Secretaria de Saúde realiza ações de prevenção, incluindo visitas domiciliares, inspeções em áreas suspeitas de infecção e campanhas de conscientização.

Além disso, foi sancionada a lei 16.418, que obriga estabelecimentos, produtores, promotores e organizadores de eventos em locais propensos à presença do carrapato-estrela a informarem sobre o risco de febre maculosa. Para cumprir essa lei, uma capacitação foi realizada para orientar e esclarecer dúvidas desses profissionais.

A prefeitura intensificou as iniciativas de comunicação, informação e mobilização contra a febre maculosa em parques públicos, com o aumento de placas informativas e a distribuição de cartazes em farmácias e centros de saúde próximos às áreas de risco.