Ouça agora

Ao vivo

Segurança Presente resgata 42 pessoas de um suposto centro de reabilitação clandestino em Nova Iguaçu
Nova Iguaçu
Segurança Presente resgata 42 pessoas de um suposto centro de reabilitação clandestino em Nova Iguaçu
Anuário Brasileiro de Segurança Pública aponta redução das Mortes Violentas Intencionais no RJ
Destaque
Anuário Brasileiro de Segurança Pública aponta redução das Mortes Violentas Intencionais no RJ
Escola Municipal do Idoso está com inscrições abertas até o dia 23/07
Maricá
Escola Municipal do Idoso está com inscrições abertas até o dia 23/07
Colecionadores podem comprar selos em comemoração aos 50 anos da Hello Kitty
Destaque
Colecionadores podem comprar selos em comemoração aos 50 anos da Hello Kitty
Inscrições para o Prouni abrem nesta terça-feira (23)
Brasil
Inscrições para o Prouni abrem nesta terça-feira (23)
Cláudio Castro autoriza construção de três novos batalhões da PM
Destaque
Cláudio Castro autoriza construção de três novos batalhões da PM
G20 inicia semana de encontros econômicos e sociais no Rio
Brasil
G20 inicia semana de encontros econômicos e sociais no Rio

Falcão é acusado de importunação sexual e pede demissão do Santos

O ex-jogador e ex-técnico da Seleção Brasileira trabalhava como coordenador esportivo do time Paulista desde o final de ano passado

O ex-jogador Paulo Roberto Falcão foi denunciado por importunação sexual nesta sexta-feira (4) por uma recepcionista do apart hotel onde ele morava em Santos, litoral de São Paulo. O ‘Rei de Roma’, como é conhecido desde os tempos de jogador, atuava desde novembro de 2022 como coordenador esportivo do Santos Futebol Clube.

Segundo a mulher, que o denuncia, ela foi molestada por duas vezes na recepção em duas ocasiões: na quarta (2) e quinta (3), Falcão teria esbarrado o órgão genital nas costas dela.

A Polícia Civil informou que a ação teria sido gravada por câmeras de segurança e apresentadas para a Delegacia de Defesa à Mulher.

Em nota no Instagram, Falcão afirmou que pediu desligamento do Santos e negou as acusações. “Em respeito à torcida do Santos Futebol Clube, pelos recentes protestos diante do desempenho do time em campo, decidi deixar o cargo de coordenador esportivo nesta data. Meu sentimento, em primeiro lugar, é defender a imagem da instituição. Sobre a acusação feita nesta sexta-feira, que recebi com surpresa pela mídia, afirmo que não aconteceu”, informou.

O Santos Futebol Clube emitiu nota confirmando o desligamento de Falcão. “O Santos Futebol Clube comunica a saída do profissional Paulo Roberto Falcão, que ocupava o cargo de coordenador esportivo desde o dia 15 de novembro de 2022”, afirmou a nota.