Ouça agora

Ao vivo

PM prende homem com drogas em Macaé
Norte Fluminense
PM prende homem com drogas em Macaé
Segurança Presente resgata 42 pessoas de um suposto centro de reabilitação clandestino em Nova Iguaçu
Nova Iguaçu
Segurança Presente resgata 42 pessoas de um suposto centro de reabilitação clandestino em Nova Iguaçu
Anuário Brasileiro de Segurança Pública aponta redução das Mortes Violentas Intencionais no RJ
Destaque
Anuário Brasileiro de Segurança Pública aponta redução das Mortes Violentas Intencionais no RJ
Escola Municipal do Idoso está com inscrições abertas até o dia 23/07
Maricá
Escola Municipal do Idoso está com inscrições abertas até o dia 23/07
Colecionadores podem comprar selos em comemoração aos 50 anos da Hello Kitty
Destaque
Colecionadores podem comprar selos em comemoração aos 50 anos da Hello Kitty
Inscrições para o Prouni abrem nesta terça-feira (23)
Brasil
Inscrições para o Prouni abrem nesta terça-feira (23)
Cláudio Castro autoriza construção de três novos batalhões da PM
Destaque
Cláudio Castro autoriza construção de três novos batalhões da PM

Faetec Favo de Mel é honrada no Prêmio Darcy Ribeiro de Educação 2023

Unidade especializada na profissionalização de pessoas com deficiência e com Transtorno do Espectro Autista
Imagem: Divulgação Faetec

Com uma trajetória de 27 anos, a Escola Especial Favo de Mel, localizada no Rio de Janeiro e filiada à Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec), desempenha um papel de destaque na educação inclusiva e no fornecimento de suporte educacional especializado a estudantes com deficiência intelectual. Recentemente, a dedicação da escola foi reconhecida ao conquistar o 2º lugar no prestigioso Prêmio Darcy Ribeiro. Este reconhecimento testemunha o compromisso da instituição em desenvolver a profissionalização e o potencial desses jovens. Vale destacar que a Escola Especial Favo de Mel é o único Centro de Apoio Especializado à Educação Profissional (CAEP) no país, dedicado exclusivamente a esse propósito.

Com um compromisso contínuo com o desenvolvimento de seus alunos, a Escola Favo de Mel recentemente abriu inscrições para programas de qualificação profissional. Esses cursos incluem opções como Auxiliar de Serviços Gerais, Auxiliar de Garçom, Auxiliar de Escritório, Auxiliar de Cozinha e Auxiliar de Cabeleireiro e Barbeiro, visando capacitar os jovens para uma variedade de campos profissionais.

Imagem: Divulgação Faetec

Atualmente, a escola Favo de Mel conta com alunos que já estão inseridos no mercado de trabalho. Um exemplo é Fabiano Afonso, que atua como auxiliar de serviços gerais no restaurante Outback. Juliana Muniz desempenha a função de estoquista na Drogaria Raia, enquanto a aluna Tatiane das Neves trabalha como atendente no McDonald ‘s.

A diretora geral da Faetec Favo de Mel, Márcia Macedo, expressa seu entendimento e satisfação pelo trabalho realizado até agora: “Entendemos que todas as pessoas têm direito ao trabalho e, com nossos alunos, não seria diferente. É uma questão de cidadania e o progresso e desenvolvimento que o trabalho traz são indiscutíveis. Nosso corpo discente ganha independência e autonomia, refletindo em mudanças positivas em seu contexto pessoal, familiar, econômico e social”.

Para garantir a efetivação da prática e a inclusão laboral, a escola atua com um núcleo de inclusão laboral que faz a ponte entre a escola e as empresas, buscando parcerias dentro da própria fundação para a inclusão dos alunos. A Faetec Favo de Mel adotou a metodologia do emprego apoiado como base, facilitando a inclusão laboral de pessoas com deficiência intelectual e Transtorno do Espectro Autista (TEA) no mercado de trabalho. Essa metodologia é baseada em princípios importantes como empoderamento, autonomia e independência, centrada na pessoa e com o princípio da exclusão zero.

Mais do que apenas fornecer treinamento, o CAEP acompanha os alunos em seu processo de estágio interno e externo, oportunidades de atuação laboral em diferentes espaços, como jovens aprendizes, e na sua entrada no mercado de trabalho formal. Para atingir esse objetivo, a Faetec também inseriu seus alunos para trabalhar na administração central e disponibiliza oportunidades de estágio dentro da própria Rede.

Argicilan Sócrates do Nascimento, aluno da Favo, faz parte do estágio remunerado dentro da própria Faetec, onde atua como aluno do curso de Cumim e presta serviços na Secretaria da Presidência. Ele expressa sua gratidão pela oportunidade que a Fundação lhe proporcionou: “Estou muito grato pela oportunidade que a Faetec me deu, o estágio me fez amadurecer e me aproximar mais do meu curso, aqui eu aprendo na prática”.

Com toda a sua capacidade e potencial, a Escola Favo de Mel conquistou o prêmio Darcy Ribeiro. A cerimônia de premiação está agendada para ocorrer no mês de outubro, nas instalações da Câmara dos Deputados, em Brasília. Durante o evento, os premiados serão homenageados por sua notável contribuição para a promoção da educação inclusiva e pela criação de um ambiente educacional onde cada aluno pode prosperar.