Ouça agora

Ao vivo

Dia Mundial sem Tabaco é lembrado em Macaé
Norte Fluminense
Dia Mundial sem Tabaco é lembrado em Macaé
Maratona do Rio 2024 começa nesta quinta-feira com recorde de inscritos
Rio de Janeiro
Maratona do Rio 2024 começa nesta quinta-feira com recorde de inscritos
Prefeitura de Maricá divulga programação de Corpus Christi
Maricá
Prefeitura de Maricá divulga programação de Corpus Christi
Paraty e Angra dos Reis recebem lançamento de livro sobre a Costa Verde
Angra dos Reis
Paraty e Angra dos Reis recebem lançamento de livro sobre a Costa Verde
Prazo para adesão ao Desenrola Fies é prorrogado até 31 de agosto
Destaque
Prazo para adesão ao Desenrola Fies é prorrogado até 31 de agosto
Estudantes de Caxias ganham nova escola municipal bilíngue
Baixada Fluminense
Estudantes de Caxias ganham nova escola municipal bilíngue
Ocupação hoteleira na Região dos Lagos deve ultrapassar os 75% durante o feriadão de Corpus Christi
Costa do Sol
Ocupação hoteleira na Região dos Lagos deve ultrapassar os 75% durante o feriadão de Corpus Christi

Estátua do jornalista Zózimo está de volta ao Leblon

Homenagem ao jornalista político e colunista social retorna ao Posto 12, de frente para o mar
Foto: Prefeitura do Rio

O jornalista Zózimo Barrozo do Amaral já voltou a observar o mar do Leblon. A estátua de Zózimo, localizada na praça que leva o nome dele, na altura do Posto 12, teve a recuperação concluída nesta semana. A ação foi executada pela Secretaria Municipal de Conservação, sob a supervisão dos artistas Roberto Sá e Clara Arthaud, responsáveis pela concepção da obra. O monumento é feito em bronze e havia sido retirado para manutenção em dezembro do ano passado.

A equipe da Gerência de Monumentos e Chafarizes, vinculada à Conservação, executou reparos minuciosos, como a recuperação de um dos pés da escultura, que estava corroído pela maresia. Também foi preciso fundir uma parte da coluna de bronze e uma página do jornal que integra o conjunto escultórico – ambas as peças haviam sido furtadas. Além disso, teve que ser refeita a placa com o nome completo de Zózimo e a frase “Carioca, jornalista e flamenguista”. Para tentar coibir os vândalos, a estátua ganhou um reforço interno com barras de ferro, tornando a fixação mais resistente.

Inaugurada em novembro de 2001, a estátua de Zózimo Barrozo do Amaral é feita em bronze, em tamanho natural. Assinada por Roberto Sá, a escultura retrata o homenageado contemplando a paisagem, com o paletó sobre o ombro. Fazem parte do conjunto outros elementos em bronze: uma parte da murada do Leblon, onde estão fixadas uma máquina de escrever, uma agenda e uma página do Jornal do Brasil, veículo no qual o jornalista publicou sua coluna durante muitos anos.