Ouça agora

Ao vivo

Putin faz exigências para “negociar a paz” com a Ucrânia após encontro do G7
Mundo
Putin faz exigências para “negociar a paz” com a Ucrânia após encontro do G7
Justiça considera ilegal greve dos educadores de Macaé
Norte Fluminense
Justiça considera ilegal greve dos educadores de Macaé
Governo do estado cria Observatório do Feminicídio
Estado
Governo do estado cria Observatório do Feminicídio
Polícia Militar expande programas de polícia de proximidade na zona sul
Rio de Janeiro
Polícia Militar expande programas de polícia de proximidade na zona sul
Prédio no Centro Histórico de Petrópolis é destruído por incêndio
Região Serrana
Prédio no Centro Histórico de Petrópolis é destruído por incêndio
Termina hoje prazo para inscrição no Enem
Destaque
Termina hoje prazo para inscrição no Enem
RS receberá caravana do governo para garantir acesso a benefícios
Política
RS receberá caravana do governo para garantir acesso a benefícios

Dois anos após jogo emblemático, com erros do VAR e de Cano, Vasco reencontra Inter

Derrota por 2 a 0, com falha nas linhas do VAR e pênalti desperdiçado pelo atacante argentino, praticamente selou rebaixamento bo Brasileiro de 2020

Após mais de dois anos, o Vasco reencontra o Internacional, neste domingo, às 16h, no Beira-Rio. A última vez em que as equipes se enfrentaram, o time carioca perdeu por 2 a 0, pela 36ª rodada do Brasileirão 2020, em uma partida marcada por polêmica com VAR e pênalti perdido por Cano. De lá para cá, o Vasco passou dois anos na Série B e sofre para se reconstruir novamente na elite.

Apesar da partida valer pelo Brasileirão de 2020, ela foi disputada em 14 de fevereiro de 2021 por conta dos efeitos da pandemia, que também fizeram com que o jogo acontecesse sem público. O Internacional lutava pelo título e dependia só de si para ser campeão. Já o Vasco brigava contra o rebaixamento.

Logo no início, aos 10 minutos, os visitantes abriram o placar. Depois de cruzamento de Moisés, Rodrigo Dourado cabeceou para o fundo das redes. Uma falha no programa que traça as linhas na imagem impediu a análise da equipe de vídeo. Por isso, o árbitro Flavio Rodrigues de Souza confirmou o gol seguindo a decisão de campo.

O Vasco teve a chance de empatar. Aos 31 minutos do segundo tempo, Cano recebeu de Benítez na área, foi derrubado por Cuesta e o árbitro marca o pênalti. O lance polêmico foi revisado, mas se manteve a decisão. Na cobrança, Cano bateu cruzado rasteiro do lado direito de Marcelo Lomba, mas a bola foi para fora.

Aos 50 minutos do segundo, quando o Vasco já ia para o desespero, o Inter decretou a derrota vascaína com requintes de crueldade. Em erro na saída de bola, o time colorado trocou passes dentro da área vascaína e Thiago Galhardo, ex-jogador do clube, chutou para fazer o 2 a 0.

Depois do confronto contra o Inter, o Vasco chegou a empatar com o Corinthians e a vencer o Goiás na última rodada, porém foi rebaixado, em 17°, com a mesma pontuação do Fortaleza. O time comandado por Vanderlei Luxemburgo caiu pelo critério do saldo de gols e amargou a quarta queda.

Já o Internacional, sob o comando de Abel Braga, era líder do campeonato, porém acabou perdendo o título na última rodada para o Flamengo.

Ficha do jogo

 

Data: 14 de fevereiro de 2021
Estádio de São Januário

Vasco: Fernando Miguel; Léo Matos (Yago Pikachu), Leandro Castán, Ricardo Graça, Henrique (Neto Borges); Leo Gil, Bruno Gomes (Juninho), Martín Benítez, Carlinhos; Cano e Talles Magno. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.