Ouça agora

Ao vivo

Rio das Ostras fecha ruas para oferecer mais segurança no Jazz e Blues
Costa do Sol
Rio das Ostras fecha ruas para oferecer mais segurança no Jazz e Blues
Defesa Civil de Macaé divulga comunicado sobre rajadas de vento na região
Norte Fluminense
Defesa Civil de Macaé divulga comunicado sobre rajadas de vento na região
Defesa Civil de Angra presta auxílio ao Rio Grande do Sul
Angra dos Reis
Defesa Civil de Angra presta auxílio ao Rio Grande do Sul
Assistência Social registra quase 3 mil atendimentos no mutirão do CadÚnico
Maricá
Assistência Social registra quase 3 mil atendimentos no mutirão do CadÚnico
Cinema e cultura popular são os destaques da semana no II Festival de Artes de Nova Iguaçu
Nova Iguaçu
Cinema e cultura popular são os destaques da semana no II Festival de Artes de Nova Iguaçu
Polícia Civil faz operação contra venda ilícita de cobre em diversas regiões do RJ
Estado
Polícia Civil faz operação contra venda ilícita de cobre em diversas regiões do RJ
Lojistas cariocas esperam aumento de 4% nas vendas para o 12 de Junho
Rio de Janeiro
Lojistas cariocas esperam aumento de 4% nas vendas para o 12 de Junho

Dia Nacional da Língua: Mais de 150 livros foram distribuídos nas escadarias do Palácio Tiradentes

A Alerj promoveu a ação para comemorar o Dia da Língua Nacional, que é comemorado em 21 de maio
Foto: Divulgação/Alerj

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio (Alerj) em parceria com a Imprensa Oficial do Rio, distribuiu nesta sgunda-feira (22), mais de 150 livros nas escadarias do Palácio Tiradentes, sede histórica do Parlamento Fluminense, no Centro do Rio. A ação celebrou o Dia da Língua Nacional, que é comemorado em 21 de maio, e foi intitulada como “Alerj Literária”.

Foram distribuídas obras de autores como Ken Follet, R. L Stine, Marina Colasanti, José de Alencar, Lima Barreto, Álvares de Azevedo, Lygia Fagundes Telles e Arnaldo Niskier.

– A nossa ideia com essa ação foi aproximar a população do Legislativo e disponibilizar a escadaria do Palácio Tiradentes para que os fluminenses pudessem vir, ler e pegar um exemplar. Os livros foram doados pela Imprensa Oficial do Rio e nós cedemos o espaço. Somos uma Alerj literária e a leitura é fundamental para a construção da cidadania – declarou a diretora do departamento de Cultura da Casa, Fernanda Figueiredo.

Um grupo de funcionários do Programa Mais Leitura, da Imprensa Oficial, orientou as pessoas na escolha das obras. O programa oferece livros dos mais variados gêneros. Caso o leitor queira adquirir um exemplar fora da ação, o programa conta com três agências fixas e uma versão itinerante que percorre os municípios do Estado do Rio.

– A Imprensa Oficial compra esses livros para tocar o programa. Estamos muito felizes de estar aqui hoje – concluiu o gerente do Mais Leitura, Wallace Marins.