Ouça agora

Ao vivo

Prefeitura de Duque de Caxias anuncia canalização do canal dois irmãos
Baixada Fluminense
Prefeitura de Duque de Caxias anuncia canalização do canal dois irmãos
Prefeitura vai levar artesanato de Angra para o Rio Artes
Angra dos Reis
Prefeitura vai levar artesanato de Angra para o Rio Artes
Prefeitura de Nova Iguaçu retoma obras do Viaduto de Comendador Soares
Nova Iguaçu
Prefeitura de Nova Iguaçu retoma obras do Viaduto de Comendador Soares
TRE-RJ amplia horário de atendimento até a data do fechamento do cadastro eleitoral
Estado
TRE-RJ amplia horário de atendimento até a data do fechamento do cadastro eleitoral
Capela São Jorge, em Campos, tem programação religiosa nesta terça
Norte Fluminense
Capela São Jorge, em Campos, tem programação religiosa nesta terça
Lula anuncia ampliação do programa Pé-de-Meia
Política
Lula anuncia ampliação do programa Pé-de-Meia
Valendo vaga para as Olimpíadas de Paris, Campeonato Pan-Americano e Oceania de Judô 2024 começa com apoio do Governo do Estado
Esportes
Valendo vaga para as Olimpíadas de Paris, Campeonato Pan-Americano e Oceania de Judô 2024 começa com apoio do Governo do Estado

CPI dos Atos Golpistas começa nesta semana

O ex-diretor da Polícia Rodoviária Federal, está programado para depor na terça-feira (20). Na quinta (22), é a vez de George Washington, condenado por planejar um ataque explosivo próximo ao Aeroporto de Brasília.
Foto: Reprodução

A primeira semana de depoimentos da CPI dos Atos Golpistas se inicia em meio a intensos conflitos entre os membros da comissão. Os parlamentares governistas estão determinados a exigir o afastamento do deputado André Fernandes (PL-CE), e do senador Marcos do Val (Podemos-ES), que são investigados por sua participação nos atos golpistas. Porém, ambos insistem em permanecer na comissão. A decisão sobre a situação caberá ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG).

Já o presidente da CPI, Arthur Maia (UB-BA), continua sua busca pela aprovação do requerimento de convocação do ministro da Justiça, Flavio Dino, e do ex-ministro do GSI, Gonçalves Dias. Por outro lado, a relatora da comissão, Eliziane Gama (PSD-MA), discorda dos depoimentos dessas autoridades neste momento, preferindo adiá-los.

Essas duas batalhas ocorrem perto dos primeiros depoimentos. O ex-diretor da Polícia Rodoviária Federal, Silvinei Vasques, aliado de Bolsonaro, está programado para depor na terça-feira (20). Em seguida, na quinta (22), é a vez de George Washington, defensor do ex-presidente condenado por planejar um ataque explosivo próximo ao Aeroporto de Brasília, na tentativa de gerar caos e abrir margem para um golpe.

Além disso, a CPI já tem novos alvos em vista para depoimentos. Um deles é o coronel Jean Lawand Junior, cujo nome surgiu em trocas de mensagens no celular de Mauro Cid, ex-ajudante de ordens de Bolsonaro. No aparelho confiscado, haviam conversas debatendo estratégias de um golpe por ordem do ex-presidente. O coronel teve sua nomeação para um posto diplomático nos Estados Unidos suspensa pelo comandante do Exército, general Tomás Miné Ribeiro Paiva, após uma reunião com o presidente Lula e o ministro da Defesa, José Múcio.