Ouça agora

Ao vivo

Macaé ganha novas redes de esgoto na Aroeira
Norte Fluminense
Macaé ganha novas redes de esgoto na Aroeira
Itaipuaçu recebe evento Passaporte em Ação
Maricá
Itaipuaçu recebe evento Passaporte em Ação
Petrópolis tem 82 hectares de área queimada no primeiro semestre do ano
Destaque
Petrópolis tem 82 hectares de área queimada no primeiro semestre do ano
Eleições Municipais têm mulheres como maioria do eleitorado, revela TSE
Brasil
Eleições Municipais têm mulheres como maioria do eleitorado, revela TSE
Eduardo Paes lança candidatura à reeleição, mas ainda sem o nome do vice. Pedro Paulo é o preferido
Política
Eduardo Paes lança candidatura à reeleição, mas ainda sem o nome do vice. Pedro Paulo é o preferido
Prouni terá mais de 240 mil bolsas no segundo semestre
Brasil
Prouni terá mais de 240 mil bolsas no segundo semestre
Projeto de Judô transforma vida de 280 crianças em Japeri
Baixada Fluminense
Projeto de Judô transforma vida de 280 crianças em Japeri

Coordenação da Psicologia e Serviço Social do Hospital Geral de Guarus, em Campos, realiza em ações pelo “Agosto Lilás”

O evento faz parte da campanha Agosto Lilás: Mês de conscientização pelo fim da violência contra a mulher
Imagem: Prefeitura de Campos
A coordenação da Psicologia e do Serviço Social do Hospital Geral de Guarus (HGG) estará realizando nesta quarta (9) e quinta-feira (10), ações educativas com distribuição de panfletos informativos e rodas de conversa sobre a violência contra à mulher. O evento faz parte da campanha Agosto Lilás: Mês de conscientização pelo fim da violência contra a mulher.
De acordo com a coordenadora da Psicologia do HGG, Lia Regina Tinoco, nesta quarta-feira tem abordagens às pacientes e acompanhantes, distribuição de materiais e rodas de conversa nas enfermarias. Além disso, um vídeo educativo estará rodando a todo o momento na TV da recepção na emergência. Também no local, haverá panfletos informativos acerca do tema. Já na quinta, os funcionários receberão um lanche e materiais sobre violência à mulher.
“A violência contra a mulher não é só física. Ela pode ser também psicológica, sexual, moral e patrimonial. Por isso, vamos fazer um trabalho de conscientização sobre o que é a violência, porque às vezes aquela mulher pode estar sofrendo de algum tipo de violência em casa e não saber que está sendo abusada. O mais importante é que ela saiba aonde ir, em casos de abusos, e vamos estar informando acerca desses dispositivos também”, disse Lia Regina.
A responsável pela Coordenação de Assistência Social da unidade, Ana Cláudia Cordeiro, reforçou que a violência contra à mulher é crime e deve ser denunciada. “Contribuir na luta contra esses abusos é um dever de todos nós e o Serviço Social do HGG apoia o Agosto Lilás. Amanhã, estaremos ressaltando a importância da denúncia, que pode ser através do Ligue 18O, Central de Atendimento à Mulher, que funciona 24 horas por dia, é gratuito e confidencial. O silêncio mata!”.
DISPOSITIVOS DE VIOLÊNCIA À MULHER – Centro Especializado de Atendimento à Mulher (CEAM), situado à Rua dos Goytacazes, 257 – Centro. (22) 98175-0180. ceam.smdhs@campos.rj.gov.br;
Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS I), situado à Rua André Luiz, 59 – Jardim Carioca. (22) 98175-1031. creas1.smdhs@gmail.com;
Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM), situada à Rua Barão de Miracema, 231 – Centro. (22) 2738-1309;
Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS II), situado à Rua do Ipiranga, 116- Centro. (22) 98175-0711. creas2.smdhs@gmail.com;
Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS III), situado à Avenida José Alves de Azevedo, 216 – Centro. (22) 98175-0820. creas3campos@outlook.com;
DISQUE 180 – Central de Atendimento à Mulher. Faz uma escuta e acolhida qualificada às mulheres em situação de violência.