Ouça agora

Ao vivo

Cantinas de prisões e hospitais penitenciários deixam de funcionar
Destaque
Cantinas de prisões e hospitais penitenciários deixam de funcionar
Estudantes de Maricá conquistam medalhas nos Jogos Escolares do Rio de Janeiro
Maricá
Estudantes de Maricá conquistam medalhas nos Jogos Escolares do Rio de Janeiro
Luiz Gonzaga será homenageado em Arraiá de Duque de Caxias
Destaque
Luiz Gonzaga será homenageado em Arraiá de Duque de Caxias
Coletivo Vista Minha Pele faz ação em Rio das Ostras
Costa do Sol
Coletivo Vista Minha Pele faz ação em Rio das Ostras
Angra reforça a atualização do CadÚnico
Angra dos Reis
Angra reforça a atualização do CadÚnico
Prefeitura do Rio derruba mansões de luxo de até R$ 4 milhões no Joá
Destaque
Prefeitura do Rio derruba mansões de luxo de até R$ 4 milhões no Joá
Celebração em Honra a São Cristóvão movimenta Macaé neste fim de semana
Norte Fluminense
Celebração em Honra a São Cristóvão movimenta Macaé neste fim de semana

China enviará um astronauta civil ao espaço pela primeira vez, nesta terça-feira (30)

O astronauta civil será enviado ao espaço pela primeira vez, como parte de uma missão na estação Tiangong
Foto: Por Hector RETAMAL / AFP

A China enviará um astronauta civil ao espaço, pela primeira vez, nesta terça-feira, como parte de uma missão à estação espacial de Tiangong. O anúncio foi feito pela Agência Espacial Humana do país. Até o momento, todos os astronautas chineses enviados ao espaço eram integrantes do Exército Popular de Libertação.

O astronauta Gui, de 34 anos, será “o principal responsável pela operação em órbita das cargas experimentais de ciência espacial”, destacou Linn Xiqiang, porta-voz da agência espacial.

– O especialista em carga útil Gui Haichao é professor de aeronáutica e astronáutica na Universidade de Pequim – disse.

O homem sentiu interesse pelo setor aeroespacial pela primeira vez ao ouvir no rádio as notícias sobre o primeiro chinês a viajar ao espaço, e vem de uma família comum de uma província do norte da China, chamada de Yunnan.

O comandante da missão será Jin Haipeng, que está em sua quarta missão espacial, de acordo com a imprensa estatal. O terceiro tripulante será o engenheiro Zhu Yangzhu.

A decolagem está prevista para 9H31 locais (22H31 de Brasília) no Centro Jiuguan de Lançamento de Satélites, informou a Agência Espacial.

A segunda maior economia do mundo investiu um grande orçamento no programa espacial, comandado pelos militares, com a esperança de enviar astronautas à Lua. Pequim está buscando alcançar Estados Unidos e Rússia depois de anos de atraso. Além de uma estação espacial, a China planeja construir uma base na lua. A Agência Espacial pretende concretizar uma missão lunar tripulada até 2029.

O módulo final da estação Tiangong (que significa “Palácio Celestial”) foi acoplado em 2022 à principal estrutura. A estação contém vários equipamentos científicos de vanguarda, incluindo “o primeiro sistema de relógio espacial atômico frio”, segundo a agência estatal de notícias Xinhua.

 

A estação Tiangong deverá permanecer em órbita terrestre baixa, a uma distância entre 400 e 450 km acima do planeta por pelo menos 10 anos, para permitir que a China mantenha uma presença humana no espaço a longo prazo. A estação terá uma tripulação permanente, em um sistema de rodízio com equipes de três astronautas, que conduzirão experimentos científicos e ajudarão a testar novas tecnologias.