Ouça agora

Ao vivo

Lojistas cariocas esperam aumento de 4% nas vendas para o 12 de Junho
Rio de Janeiro
Lojistas cariocas esperam aumento de 4% nas vendas para o 12 de Junho
Papa emite um raro pedido de desculpas por suposto uso de palavra homofóbica em italiano
Mundo
Papa emite um raro pedido de desculpas por suposto uso de palavra homofóbica em italiano
Número de jovens que não estudam nem trabalham cresce para 5,4 milhões
Destaque
Número de jovens que não estudam nem trabalham cresce para 5,4 milhões
Estado anuncia a criação de projeto piloto de prevenção de tragédias climáticas em nove cidades
Estado
Estado anuncia a criação de projeto piloto de prevenção de tragédias climáticas em nove cidades
Espanha, Irlanda e Noruega reconhecem o Estado da Palestina
Mundo
Espanha, Irlanda e Noruega reconhecem o Estado da Palestina
Comissão da Alerj quer fortalecimento das Cozinhas Solidárias para combater a insegurança alimentar no estado
Política
Comissão da Alerj quer fortalecimento das Cozinhas Solidárias para combater a insegurança alimentar no estado
Paes se reúne com Landim e afirma que pode desapropriar terreno para estádio do Flamengo
Esportes
Paes se reúne com Landim e afirma que pode desapropriar terreno para estádio do Flamengo

Audiência pública na Alerj debate subvenção à escolas de samba que desfilam na Sapucaí

O objetivo é melhorar a organização e garantir recursos para a festa popular.
Casal de mestre-sala e porta-bandeira da Beija-Flor de Nilópolis. Foto: Reprodução

Diversos projetos de lei (PL) que tenham como temática o Carnaval estão sendo debatidos em uma audiência pública que acontece nesta terça (20) na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro. A iniciativa, que envolve quatro comissões parlamentares, foi proposta pelo deputado estadual niteroiense Vitor Junior (PDT).

“Nosso objetivo é melhorar a organização e garantir recursos para a festa popular, instituindo o subsídio estadual para escolas de samba com o dinheiro previsto no orçamento anual do Governo do Estado”, comentou.

Vitor Junior é, justamente, autor do PL 331/23, que regulamenta o repasse de verba para as escolas de samba do Grupo Especial e da Série Ouro.

“Esse projeto de lei trata de mecanismos de apoio e de regras de prestação de contas desses recursos destinados ao Grupo Especial e a Série Ouro, para que possamos estabelecer uma regra clara e transparente daquilo que o Estado pode colaborar e incentivar, ajudando a desenvolver o turismo no Rio de Janeiro”, afirmou o parlamentar.

Participam da audiência pública conjunta as Comissões de Constituição e Justiça (CCJ), Turismo, Cultura e Economia. Além do PL 331/23, também estarão em discussão os PLs 5.838/22, que institui um regime diferenciado de tributação para bens e serviços diretamente afetados pelas restrições das festividades do Carnaval, e 5.845/22, que torna obrigatória a instalação de sinalizadores sonoros e visuais em carros alegóricos.

Foram convidados para a reunião representantes das Secretarias de Estado de Turismo, de Cultura, de Fazenda e de Planejamento; da Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro (RioTur), da Companhia de Turismo do Estado do Rio de Janeiro (TurisRio), da Guarda Municipal do Rio, da Polícia Militar (PMERJ) e do Corpo de Bombeiros (CBMERJ); do Ministério Público; da Liga RJ e Liesa, que são as principais associações responsáveis por organizar o carnaval.