Ouça agora

Ao vivo

Governo Federal não aceita negociar com servidores do INSS e greve é mantida
Brasil
Governo Federal não aceita negociar com servidores do INSS e greve é mantida
Primeira pesquisa depois de atentado mostra empate técnico entre Biden e Trump nos EUA
Destaque
Primeira pesquisa depois de atentado mostra empate técnico entre Biden e Trump nos EUA
Irmãos Brazão negam envolvimento com milicianos do Rio de Janeiro
Política
Irmãos Brazão negam envolvimento com milicianos do Rio de Janeiro
Justiça considera que Uber é responsável por itens pedidos em entregas
Destaque
Justiça considera que Uber é responsável por itens pedidos em entregas
Mega-sena acumula novamente e prêmio chega a R$ 47 milhões
Brasil
Mega-sena acumula novamente e prêmio chega a R$ 47 milhões
Servidores do INSS entram em greve a partir dessa terça-feira (16/07)
Brasil
Servidores do INSS entram em greve a partir dessa terça-feira (16/07)
Maricá das Artes realiza dois saraus culturais em julho
Cultura
Maricá das Artes realiza dois saraus culturais em julho

Athletico-PR domina e vence com facilidade Flamengo em Cariacica

Com direito a "olé", Cacá, Alex Santana e Vitor Bueno marcam para o Furacão; Gabigol é expulso por braçada em Cuello
Foto: Wagner Chaló

O Athletico-PR venceu o Flamengo por 3 a 0, em Cariacica, nesta quarta-feira, em jogo válido pela 23ª rodada do Brasileirão. Com gols de Cacá, Alex Santana e Vitor Bueno, o Furacão dominou o jogo e construiu a vantagem com facilidade no Estádio Kleber Andrade. O atacante Gabigol foi expulso no segundo tempo por uma braçada em Cuello, após revisão do VAR.

O primeiro tempo começou com pressão do Flamengo em cima do Athletico. Logo aos dois minutos, Gabigol finalizou de direita e perdeu boa chance dentro da área, parando em Léo Linck. Depois de uma pressão inicial, o Athletico levou perigo em vacilos do Flamengo no campo de defesa. Primeiro, Matheus Cunha falhou, e Vitor Bueno parou na zaga rubro-negra. David Luiz falhou sem seguida, e Cuello desperdiçou chance.

O gol do Athletico veio após uma jogada de escanteio curto. Vitor Bueno finalizou, a bola desviou em Pedro, no meio do caminho, e dificultou a defesa de Matheus Cunha. Cacá fez no rebote. Flamengo errou muito na defesa, e Athletico criou as melhores chances.

Atrás no placar, o Flamengo não levou muito perigo ao gol do Athletico no início da segunda etapa. Aos 20 minutos, Gabigol foi expulso por uma braçada em Cuello. O Rubro-Negro carioca parou em Léo Linck, em chutes de Pedro, para empatar o jogo, mas viu o Furacão ampliar a vantagem com Alex Santana, aos 37. No fim, Rômulo foi derrubado por Everton Ribeiro na área. Vitor Bueno, que fez grande jogo, cobrou a penalidade e deu números finais à partida. Athletico, com facilidade, 3 a 0 no Flamengo.

O atacante do Flamengo foi expulso aos 20 minutos do segundo tempo após dar uma braçada em Cuello. O árbitro Rafael Rodrigo Klein deu amarelo em campo para Gabigol, mas foi chamado pelo árbitro de vídeo para ir à cabine. Após revisão, o jogador foi expulso.

O Flamengo volta a campo para disputar a final da Copa do Brasil, no domingo, às 16h, no Maracanã, contra o São Paulo. Será a primeira partida da decisão do torneio. O Athletico-PR enfrenta o Internacional na próxima quinta-feira, às 19h30, pelo Brasileirão.

Com a vitória, o Athletico pulou provisoriamente para a sexta colocação, com 37 pontos – o Bragantino, com 36, recebe o Grêmio na quinta. Já o Flamengo é o quarto colocado, com 39 pontos, mas pode ser ultrapassado pelo Fluminense, que faz o clássico contra o Vasco, no sábado.