Ouça agora

Ao vivo

Prefeitura de Duque de Caxias anuncia canalização do canal dois irmãos
Baixada Fluminense
Prefeitura de Duque de Caxias anuncia canalização do canal dois irmãos
Prefeitura vai levar artesanato de Angra para o Rio Artes
Angra dos Reis
Prefeitura vai levar artesanato de Angra para o Rio Artes
Prefeitura de Nova Iguaçu retoma obras do Viaduto de Comendador Soares
Nova Iguaçu
Prefeitura de Nova Iguaçu retoma obras do Viaduto de Comendador Soares
TRE-RJ amplia horário de atendimento até a data do fechamento do cadastro eleitoral
Estado
TRE-RJ amplia horário de atendimento até a data do fechamento do cadastro eleitoral
Capela São Jorge, em Campos, tem programação religiosa nesta terça
Norte Fluminense
Capela São Jorge, em Campos, tem programação religiosa nesta terça
Lula anuncia ampliação do programa Pé-de-Meia
Política
Lula anuncia ampliação do programa Pé-de-Meia
Valendo vaga para as Olimpíadas de Paris, Campeonato Pan-Americano e Oceania de Judô 2024 começa com apoio do Governo do Estado
Esportes
Valendo vaga para as Olimpíadas de Paris, Campeonato Pan-Americano e Oceania de Judô 2024 começa com apoio do Governo do Estado

Athletico e Barcelona oficializam transferência de Vitor Roque

Atacante de 18 anos pode ficar no Furacão até julho do ano que vem. Contrato na Espanha vai da temporada 2024/25 até o final da temporada 2030/31
Foto: Reprodução

Barcelona e Athletico oficializaram o acordo pelo atacante Vitor Roque. A ida do jogador ao Barça está prevista para o início da temporada 2024/25, e o contrato com o clube catalão vai até 2031.

Os dois clubes fizeram postagens simultâneas nas redes sociais, às 8h desta quarta-feira, formalizando a negociação. Em vídeo, o Barcelona deu boas-vindas ao “Tigrinho” Vitor Roque. O apelido surgiu em homenagem ao pai Juvenal “Tigrão”, e vingou na Europa.

O Athletico conseguiu segurar o centroavante até junho de 2024 e ainda ficou com 20% dos direitos econômicos de Vitor Roque.

Os clubes não divulgaram os valores do negócio. A venda foi concretizada em 74 milhões de euros no total, entre fixo, bônus e impostos. Assim, o total pode chegar perto dos R$ 400 milhões, na cotação atual.

A transação de Vitor Roque foi conduzida pelo executivo do Athletico, Alexandre Mattos, pelo empresário do jogador, André Cury, e pelo diretor do Barcelona, Deco.

Fixo: 40 milhões de euros (213,4 milhões)
Bônus: 21 milhões de euros (R$ 112 milhões) – gols, partidas, títulos, finalista da Bola de Ouro e conquista a Bola de Ouro
Impostos e taxas: 13 milhões de euros (R$ 69,3 milhões)
Total: 74 milhões de euros (R$ 394,8 milhões)

O interesse do Barça em Vitor Roque veio à tona no fim do ano passado e ganhou força no começo deste ano. O atacante se destacou na disputa do Sul-Americano sub-20, no qual o Brasil saiu campeão, e ele foi o artilheiro com seis gols. O jogador foi convocado para a seleção principal em seguida.

A primeira proposta do Barcelona foi de 40 milhões de euros, com 30 milhões fixos e 10 milhões em bônus, em um total de R$ 213,4 milhões.

O Furacão pressionou o Barça a selar o acordo após o trio Manchester United, PSG e Tottenham entrar em contato nos últimos dias para viabilizar uma proposta. Os times ingleses, inclusive, estariam dispostos a viajar para Curitiba com ofertas melhores que a do time espanhol.

O Barcelona, então, acelerou o processo contratual de assinaturas para não perder a joia da seleção brasileira. O receio era de que o clube pudesse levar um “chapéu”, assim como aconteceu nesta semana com a joia turca Arda Güler, que preferiu o Real Madrid.

Vale lembrar que Barcelona busca negociar alguns jogadores para se adequar ao fair play financeiro da La Liga – a meta é cortar cerca de 200 milhões de euros para cumprir o teto de gastos. Até aqui, as saídas foram de Sergio Busquets e Jordi Alba.

O empresário do jogador, André Cury, defende que essa é a maior negociação do futebol brasileiro. Ele participou da ida de Neymar, também ao Barcelona, e o time espanhol alegou posteriormente à Justiça que pagou 57 milhões de euros pela transferência. No valor de 88 milhões de euros, alegados como o total da venda e investigado posteriormente, estaria computado luvas (pagamentos extra) e bônus.

Vitor Roque se tornou ainda a transferência mais cara da história do Furacão. Ele superou (de longe) os 20 milhões de euros (R$ 93 milhões, na época) do volante Bruno Guimarães para o Lyon, em 2019.

O interesse do Barça em Vitor Roque veio à tona no fim do ano passado e ganhou força no começo deste ano. O atacante se destacou na disputa do Sul-Americano sub-20, no qual o Brasil saiu campeão, e ele foi o artilheiro com seis gols. O jogador foi convocado para a seleção principal em seguida.

Em abril, o staff do jovem jogador conheceu as dependências do Barcelona. Contudo, eles também visitaram o West Ham, Liverpool, Chelsea, Tottenham, Manchester United, Aston Vila e Arsenal.

Entre 17 e 18 de junho, Mattos teve diversas reuniões com Deco na Espanha para alinhar o acerto, enquanto Vitor Roque já tinha dado o “ok” para o time espangol. O Barcelona, contudo, queria a apresentação imediata do jogador, enquanto o Athletico condicionou a venda à permanência, pelo menos, até o final do ano.

No começo desta semana, Athletico e Barcelona chegaram a um acordo verbal por 35 milhões de euros e mais 10 milhões de euros em variáveis. Um advogado representando o Furacão e o atacante foram para a Espanha acertar os últimos detalhes, que tiveram um acréscimo de valores depois do assédio de gigantes europeus.

Tratado como joia, o atacante se transferiu em maio de 2019 do América-MG para o Cruzeiro, em uma saída polêmica. O jovem atleta ganhou as primeiras chances no profissional em 2021, com Vanderlei Luxemburgo, e virou titular em 2022 – foram 11 partidas e seis gols marcados.

Em abril do ano passado, com a dica de Alexandre Mattos, o Athletico pagou a multa de R$ 24 milhões ao Cruzeiro, com quem tinha contrato até 23 maio de 2025. Na época, a diretoria rubro-negra já tinha a certeza que o atacante seria a maior negociação da história do clube e superou as concorrências de Inter e Bragantino.

A Raposa não gostou da saída prococe, já que tinha apenas 50% dos direitos encoômicos, que representou R$ 12 milhões na venda. O clube entrou na Câmara Nacional de Resoluções e Disputas (CNRD) para tentar receber R$ 56 milhões e depois na Justiça para ganhar mais R$ 3 milhões – ambas em vão até aqui.

Em campo, Vitor Roque mostrava o porquê do investimento atleticano. Mesmo alternando a titularidade com Pablo, ele foi determinante no vice da Libertadores e na campanha de sexto lugar do Brasileiro.

Com então 17 anos, o atacante chegou a concorrer ao prêmio de melhor jogador da Libertadores. Ao todo, Vitor Roque fez sete gols e deu três assistências pelo Furacão em 2022.

No início de 2023, o atleta foi campeão sul-americano sub-20 pelo Brasil e artilheiro do torneio, com seis gols. Ele não disputou o Mundial da categoria, porque o clube rubro-negro não o liberou.

Em compensação, o atacante acabou chamado pelo interino Ramon Menezes, que também era seu técnico na base canarinho, para a seleção brasileira. Vitor Roque entrou no segundo tempo da derrota por 2 a 1 para Marrocos e se tornou o mais jovem a estrear pelo Brasil desde Ronaldo em 1994.

Na atual temporada, Vitor Roque é o artilheiro do Athletico com 15 gols em 30 jogos, além de seis assistências. Ele é o vice-artilheiro do Brasileirão, com sete gols em 13 confrontos.

Se somar Furacão e seleção brasileira sub-20, o atacante soma 21 gols em 38 partidas no ano.