Ouça agora

Ao vivo

Nova Iguaçu é o segundo município do Brasil em adesões à CIPA Escolar
Nova Iguaçu
Nova Iguaçu é o segundo município do Brasil em adesões à CIPA Escolar
Trabalha Rio estará em quatro bairros nesta semana para cadastrar currículos
Rio de Janeiro
Trabalha Rio estará em quatro bairros nesta semana para cadastrar currículos
Em reunião com prefeitos das regiões Norte e Noroeste, governador apresenta mais de 450 ações realizadas no interior
Estado
Em reunião com prefeitos das regiões Norte e Noroeste, governador apresenta mais de 450 ações realizadas no interior
Lancha explode em Cabo Frio e deixa nove feridos
Costa do Sol
Lancha explode em Cabo Frio e deixa nove feridos
Angra vai sediar evento sobre desenvolvimento sustentável
Angra dos Reis
Angra vai sediar evento sobre desenvolvimento sustentável
Estados e municípios terão plano de combate à violência contra mulher
Destaque
Estados e municípios terão plano de combate à violência contra mulher
Serviço de microchipagem em animais será lançado nesta quarta em Macaé
Norte Fluminense
Serviço de microchipagem em animais será lançado nesta quarta em Macaé

Após perder oportunidades na carreira ao estrelar filme com Xuxa, ator estrelou pornô

Marcelo diz que, após ficar marcado pelo personagem, não conseguiu seguir na carreira
Foto: Reprodução

Após reencontrar Xuxa, 40 anos depois de estrelarem o filme “Amor estranho amor”, Marcelo Ribeiro abriu o coração e contou um pouco de sua vida após o filme. O reencontro é mostrado em um dos episódios do documentário “Xuxa, O Documentário”, do Globoplay.

Na conversa entre eles, o ex-ator mirim revela que “as portas se fecharam” depois da polêmica que envolveu o filme e sua proibição. Ele diz que, após ficar marcado pelo personagem, não conseguiu seguir na carreira. Um detalhe sobre sua trajetória, no entanto, não é citado na entrevista, conduzida por Pedro Bial.

Com dificuldades financeiras, Marcelo Ribeiro protagonizou um filme pornô em 2008, época em que outros artista conhecidos pelo público também se renderam a industria de filmes para adultos, e pagava-se bem. Marcelo, então com 37 anos, acabou se rendendo ao convite da produtora Brasileirinhas e estrelou “Estranho amor”, que fazia uma paródia a “Amor estranho amor”.

Foto: Reprodução

Atualmente com 52 anos, Marcelo se intitula no documentário como empresário, mas já disse em outras entrevistas que, nos últimos anos, também exerceu a função de fotógrafo e atuou na área da Tecnologia da Informação.