Ouça agora

Ao vivo

Putin faz exigências para “negociar a paz” com a Ucrânia após encontro do G7
Mundo
Putin faz exigências para “negociar a paz” com a Ucrânia após encontro do G7
Justiça considera ilegal greve dos educadores de Macaé
Norte Fluminense
Justiça considera ilegal greve dos educadores de Macaé
Governo do estado cria Observatório do Feminicídio
Estado
Governo do estado cria Observatório do Feminicídio
Polícia Militar expande programas de polícia de proximidade na zona sul
Rio de Janeiro
Polícia Militar expande programas de polícia de proximidade na zona sul
Prédio no Centro Histórico de Petrópolis é destruído por incêndio
Região Serrana
Prédio no Centro Histórico de Petrópolis é destruído por incêndio
Termina hoje prazo para inscrição no Enem
Destaque
Termina hoje prazo para inscrição no Enem
RS receberá caravana do governo para garantir acesso a benefícios
Política
RS receberá caravana do governo para garantir acesso a benefícios

Alunos surdos da rede municipal de ensino de São João de Meriti participam de oficinas especiais

O projeto tem o objetivo de fomentar a inclusão e as várias possibilidades da pessoa surda na sociedade.
Foto: Reprodução

A Secretaria Municipal de Educação realizou uma oficina para alunos surdos da rede municipal de ensino de São João de Meriti. O projeto “Se eu quero ser eu posso” tem o objetivo de fomentar a inclusão e as várias possibilidades da pessoa surda na sociedade.

Os alunos entre 4 e 17 anos, ouviram a história de vida e de experiência profissional da professora Tathianna Prado, da Universidade Federal Fluminense e participaram de oficinas sobre as profissões.

“Eu sou uma professora surda e é gratificante estar aqui explicando aos alunos que eles são capazes de se tornarem exatamente o que quiserem, assim como as pessoas ouvintes”, disse a palestrante.

Estiveram presentes os professores intérpretes de libras, a Coordenadoria de Educação Especial da secretaria, pais e responsáveis.

Como parte do projeto, os alunos também realizam atividades no laboratório de ciências que funciona na Escola Municipal Dr. Getúlio de Moura, no Parque Tietê. O programa é uma parceria com a Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ que, desde 2011, trabalha junto à secretaria para oferecer aos alunos surdos da rede a oportunidade de vivenciar o estudo de ciências de maneira divertida.