Ouça agora

Ao vivo

Comando de Polícia Rodoviária registra queda no número de acidentes com vítimas fatais durante o feriado de São Jorge
Destaque
Comando de Polícia Rodoviária registra queda no número de acidentes com vítimas fatais durante o feriado de São Jorge
Alerj aprova projeto para ampliar combate ao trabalho análogo à escravidão
Política
Alerj aprova projeto para ampliar combate ao trabalho análogo à escravidão
Prefeitura do Rio promove consulta pública sobre concessão de parques municipais
Rio de Janeiro
Prefeitura do Rio promove consulta pública sobre concessão de parques municipais
Maricá recebe prêmio destaque do artesanato na 16ª Rio Artes
Maricá
Maricá recebe prêmio destaque do artesanato na 16ª Rio Artes
Passagem de carretas interditará descida da serra de Petrópolis na madrugada de 25/04
Estado
Passagem de carretas interditará descida da serra de Petrópolis na madrugada de 25/04
Cidades do Rio podem ganhar “Café do Trabalhador”
Política
Cidades do Rio podem ganhar “Café do Trabalhador”
CBF divulga data e horário dos jogos da terceira fase da Copa do Brasil
Esportes
CBF divulga data e horário dos jogos da terceira fase da Copa do Brasil

Abrigo Cristo Redentor promove festa junina e aquece os corações dos idosos

A festa acontece há décadas no espaço do Governo do Estado em Higienópolis, na Zona Norte do Rio.
Foto: Divulgação

A festa junina que acontece no Centro de Promoção Social Abrigo Cristo Redentor, gerido pelo Governo do Estado do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, acontece há muito anos, e é uma das comemorações mais esperadas pelos 214 idosos que vivem hoje no lugar, localizado em Higienópolis, na Zona Norte da Cidade do Rio.

– Eu gosto da música, das danças e das comidas. Eu passei o rímel, ganhei um batom vermelho, pintei o cabelo, fiz a minha unha. Sou comunicativa, gosto de falar. Se Deus quiser, eu ainda vou aproveitar muitas festas aqui – disse Rute Coelho Tenório, de 71 anos e moradora do abrigo há um ano.

O interno Cleudes, de 75 anos é residente há 16 anos do Abrigo Cristo Redentor, e já participou de várias festas juninas, e aproveita cada momento para puxar da memória as lembranças da sua infância.

– Fui criado no interior de Ilhéus, na Bahia, sou baiano. Recordação da fogueira de São João, balão, batata assada na fogueira. Eu gosto das mulheres, não posso ver uma mulher bonita que eu fico sorrindo. Brincadeira, gosto mesmo é do forró – contou.

A festa também conta com variedade gastronômica, com muitas comidas típicas, A barraquinhas, e quadrilha. Os preparativos para a festa do Abrigo Cristo Redentor começam um mês antes da data marcada. O resultado é um pátio colorido, e o abrigo transformado em um verdadeiro arraial.

– Temos um planejamento anual de datas festivas, como essa. Alguns idosos participam da organização com os educadores sociais. Eles gostam de tudo que é festa, e curtem muito receber as pessoas e interagir – disse a diretora do Abrigo, Nádia Aparecida da Silva.

Além das festas e atividades terapêuticas, os idosos têm acompanhamento de médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, psicólogos, nutricionistas, entre outros profissionais multidisciplinares.

– Lidar com os idosos no Abrigo Cristo Redentor é uma atividade muito gratificante, porque nós aprendemos muito com eles. Cada um tem a sua história de vida, a sua bagagem, e são muito participativos em todas as atividades, trazendo um pouquinho da vida deles pra gente e isso é enriquecedor – declarou a assistente social Ana Paula dos Santos Freitas.